PLACAR

Korneeva vence a 1ª em Slam aos 16 anos e entra no caminho de Bia

Alina Korneeva pode enfrentar Bia Haddad na segunda rodada (Foto: Joshua Chadwick/Tennis Australia)

Melbourne (Austrália) – Campeã juvenil do Australian Open no ano passado e atual número 1 no ranking da categoria, Alina Korneeva conseguiu neste domingo sua primeira vitória em uma chave principal de Grand Slam. A russa de apenas 16 anos e 179ª do ranking aproveitou o embalo depois das três vitórias no quali e superou a espanhola Sara Sorribes, 52ª colocada, por 4/6, 6/3 e 6/2.

Korneeva pode enfrentar Beatriz Haddad Maia, número 1 do Brasil e 12 do mundo, que estreia na segunda-feira contra a tcheca de 18 anos Linda Fruhvirtova, 84ª. A estreia de Bia será por volta de 5h (de Brasília) e a paulistana de 27 anos disputa seu quinto Australian Open, tendo avançado uma rodada em três ocasiões.

Das quatro vitórias que Korneeva conseguiu em Melbourne desde a semana passada, três foram definidas em três sets. Ela estreou vencendo a norte-americana Sachia Vickery e ainda salvou match-points contra a chinesa Yexin Ma. Apenas na última rodada do quali, passou pela húngara Anna Bondar em sets diretos.

Diante de Sorribes, adversária que alonga muito os pontos e recorre aos slices de backhand para quebrar o ritmo, Korneeva encarou um verdadeiro teste de paciência e contou com seu jogo agressivo e de muita potência nos golpes. Ela terminou a partida com 52 winners e 49 erros não-forçados, com direito a oito quebras contra o saque da espanhola.

Outra jovem de 16 anos e vinda do quali a avançar é Brenda Fruhvirtova, irmã mais nova de Linda e 107ª do mundo. Ela passou pela romena Ana Bogdan, 63ª do ranking, por 2/6, 6/4 e 6/3. É a primeira vitória em Slam na carreira da tcheca, que disputa um torneio deste nível pela terceira vez. Sua próxima rival pode ser a número 2 do mundo e atual campeã Aryna Sabalenka, que enfrentará a alemã vinda do quali Ella Seidel, de apenas 18 anos.

A última vez que duas tenistas de 16 anos haviam passado pela primeira rodada de um Grand Slam havia acontecido em 2007 com Caroline Wozniacki e Tamira Paszek na grama de Wimbledon.


Leia Mais:

Nova geração feminina mostra força no quali

5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Leo
Leo
1 mês atrás

Vish, a Bia não gosta muito das novinhas kkk

Adalberto
Adalberto
1 mês atrás

Mais um ‘osso’ russo!
Credo!
Rrss…

Adalberto
Adalberto
1 mês atrás

Não basta as tchecas?
Afff…

Paulo A.
1 mês atrás

Pesadelo à vista para a Bia. Qie já terá que jogar muito se quiser passar da 1a rodada…credo!

Vagner
Vagner
1 mês atrás

Bia estava muita tensa conta Fruhvirtova .. era visível no terceiro set … não se sabe se o fantasma da primeira rodada estava presente … quem sabe agora na segunda rodada jogará mais tranquila, vai se soltar um pouco mais

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE