PLACAR

Vondrousova: “O que houve em Cancún não era tênis”

Foto: Jimmie48/WTA

Sevilha (Espanha) – Eliminada nas semifinais da Billie Jean King Cup no sábado, a tcheca Marketa Vondrousova comparou as condições da competição com as que encontrou na disputa do WTA Finals, na semana anterior e não poupou críticas ao evento realizado em Cancún, que recebeu inúmeras reclamações das jogadoras que participaram do evento.

“Vir de Cancún para Sevilha é algo diferente. Aqui temos grandes quadras, não há vento, não há chuva. Aqui me sinto melhor (risos). Acho que é muito melhor vir de Cancún do que fazer o contrário, viajar daqui para lá”, comentou a tcheca, que revelou conversas entre as jogadoras, reclamando dos problemas, antes mesmo da competição começar.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

“Estávamos em contato todos os dias. Acho que todas ficaram muito decepcionadas: aquilo não era tênis. Sofremos muito em todas as partidas, além disso, sinto que o tênis que estava sendo jogado não estava bom, nem para os espectadores nem para nós. Quando chegamos e vimos que as quadras estavam uma loucura. Além disso, teve a chuva também. Ficamos desapontados”, disparou.

Vondrousova reclamou das constantes paralisações no torneio, que acabou tendo a final adiada de domingo para segunda por causa do tempo ruim durante a semana, que atrasou toda a programação. “Tive que interromper minha partida contra o Gauff umas cinco vezes. Isso me deixou louca. Sim, eu sei que faz parte do tênis, mas as coisas não deveriam ser feitas assim”, comentou a tcheca.

“Eles devem saber onde será realizado um torneio como este muito antes do US Open, além de ver como estará o clima nessas datas no local onde pretendem realizar o torneio. Acho que essa é a primeira coisa que eles deveriam fazer”, reclamou a atual campeã de Wimbledon.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE