PLACAR

Orlando Luz cai no tiebreak do 3º em Santiago, duplas brasileiras vencem

Marcelo Zormann e Fernando Romboli (Foto: João Pires/Fotojump)

Santiago (Chile) – Depois de ter passado pelo quali e ainda avançar uma rodada na chave principal, Orlando Luz parou nas oitavas de final do challenger de Santiago, em quadras de saibro. O gaúcho de 26 anos e 373º do ranking foi superado pelo peruano Juan Pablo Varillas, cabeça 2 do torneio e 110º do ranking, com parciais de 6/3, 2/6 e 7/6 (7-3) em 2h32 de partida.

Varillas só perdeu três pontos no saque durante todo o primeiro set e conseguiu duas quebras. O roteiro da segunda parcial foi quase o inverso, mas Orlandinho ainda escapou de dois break-points. O brasileiro chegou a abrir 2/0 no terceiro set, que teve uma quebra para cada lado. Ele também fez dois bons games de saque quando perdia por 5/4 e 6/5, mas o peruano dominou o tieberak com três pontos nas devoluções.

Foi o terceiro duelo entre eles e os dois primeiros também foram vencidos pelo peruano, em sets diretos em 2019. Com a queda de Orlando Luz, o último brasileiro na chave de simples passa a ser Gustavo Heide. O paulista de 22 anos e 240º do ranking enfrentará o argentino Andrea Collarini, 283º colocado. Heide já venceu Collarini uma vez este ano, em Punta del Este.

A campanha até as oitavas de final em Santiago rende 10 pontos na ATP para Orlando Luz, são 4 do quali e 6 da chave principal. Provisoriamente, ele sobe duas posições. A melhor marca de sua carreira é o 272º lugar, de agosto de 2021. Ele permanece no Chile para jogar duplas ao lado do anfitrião Matias Soto. A estreia foi com vitória contra uma dupla brasileira, o também gaúcho Marcelo Demoliner e Gustavo Heide, por 4/6, 6/3 e 10-7. Os próximos rivais são os bolivianos Boris Arias e Federico Zeballos, cabeças 2.

Outras duas duplas brasileiras venceram na rodada desta quarta-feira. Cabeças de chave 3, Fernando Romboli e Marcelo Zormann superaram os argentinos Andrea Collarini e Facundo Mena por 6/3 e 7/6 (7-5). Eles enfrentam Matheus Pucinelli e Nicolas Zanellato, que derrotaram o australiano Adam Taylor e o argentino Gonzalo Villanueva por 6/1 e 6/4.

15 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Mala
Paulo Mala
1 mês atrás

O Zorman está bem já? Ele andou abandonando jogos esses dias…

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás
Responder para  Paulo Mala

Não dá para explicar.
Tem que ser investigado.
Abandonou 2 qualis de Simples, está de brincadeira com os torcedores.

Andre Borges
Andre Borges
1 mês atrás
Responder para  Gusmão

Ele e o Romboli se entrar no quali de simples eh green certo. Pode apostar a casa na derrota deles por abandono.

Andre Borges
Andre Borges
1 mês atrás

Mas o Zormann não estava machucado? Abandonou o jogo de simples por contusão…

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
1 mês atrás

Uma pena a derrota do Luz,a partir do segundo set começou a sacar melhor,e até venceu o segundo set,vendeu caro essa derrota.

Scott
Scott
1 mês atrás

Varillas, o triturador de brasileiros, ataca novamente!

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás

O Luz tem que ter mais controle, tem mais jogo que o Varillas.
Mas precipita forçando os erros.

Luz já era para estar num Ranking melhor.

O importante é continuar acreditando.

Scott
Scott
1 mês atrás
Responder para  Gusmão

“Luz tem mais jogo que o Varillas”.

Meu Deus…

F.F.
F.F.
1 mês atrás
Responder para  Scott

Impressionante
Kkkkkkkkkkk

Márcio
Márcio
1 mês atrás

Orlando jogando bem tanto em duplas como em simples, quase ganhou do peruano que era top 100 até agora a pouco!! Marcelo e Fernando precisam ir mais longe no torneio pra colarem no top 100.

Jorge Luiz
1 mês atrás

Luz jogou bem até o TB onde foi péssimo, tem que jogar TB decisivo mais concentrado e positivo senão é derrota mesmo

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás

Bom jogo do Luz. Perdeu no tie do terceiro set contra o Varillas, que está andando entre os 80 e 120 do mundo há uns dois anos pelo menos. Bom jogo. Infelizmente não deu.

Leonel
Leonel
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Acho que o Luz tem jogo pra chegar no top 200 “se” continuar trabalhando firme. Parece que tá subindo o sarrafo. Achei que ele melhorou bem seu jogo. Hoje era o jogo pra dar moral. Bora que tá no caminho certo.

Fabricio
Fabricio
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Faz 8 anos que essa é a justificativa kkkkk inventa uma nova Guilherme!

Fabricio
Fabricio
1 mês atrás

Qual a desculpa dessa vez? A visão, os big mac whopper duplo, com coca cola e fritas, ou ele ainda está se adaptando ao profissional? Kkkkk cabelo de boneca pira

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE