PLACAR

Murray vira o jogo e chega a 500 vitórias na quadra dura

Foto: Dubai Duty Free Tennis Championships

Dubai (Emirados Árabes) – A estreia vitoriosa no ATP 500 de Dubai foi bastante especial para Andy Murray, que conseguiu vencer o jogo de número 500 de sua carreira em quadras duras. O britânico conseguiu uma virada contra o canadense Denis Shapovalov, ex-top 10 e atual 120º do ranking, com parciais de 4/6, 7/6 (7-5) e 6/3 em partida com 2h32 de duração.

Murray é apenas o quino jogador a conseguir 500 vitórias na ATP no piso duro. O recordista é Roger Federer com 783, seguido por Novak Djokovic com 700. Além deles, Andre Agassi acumula 592 vitórias, enquanto Rafael Nadal tem 518 no total.

“Não é um número ruim”, disse Murray sobre sua conquista em sua entrevista na quadra. “Obviamente, estou muito orgulhoso disso. Não há muitos jogadores que tenham feito isso, é ótimo chegar a 500 vitórias no mesmo piso antes de terminar a carreira”, acrescentou o veterano de 36 anos e atual 67º do ranking.

A vitória desta segunda-feira foi apenas a segunda de Murray na temporada. Ele começou o ano perdendo quatro estreias seguidas até sair do zero apenas na semana passada em Doha. O britânico soube se aproveitar da instabilidade de Shapovalov no saque, num dia que o canadense fez 15 aces e 10 duplas faltas, e conseguiu quebrar quatro vezes o serviço do rival. Shapovalov está voltando ao circuito após uma lesão lesão no joelho o afastá-lo durante todo o segundo semestre do ano passado e entrou na chave com ranking protegido.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

“Nós dois não ganhamos muitas partidas ultimamente”, ponderou o ex-número 1 do mundo. “Ele perdeu grande parte do ano passado. Ele obviamente jogou bem aqui no passado e está sacando de forma inacreditável. Você precisa tentar encontrar o equilíbrio certo entre reagir a seus ótimos golpes, mas não apenas tentar colocar as bolas na quadra. Não foi fácil, mas consegui no final”, complementou o britânico, que espera o vencedor do duelo francês entre Gael Monfils e o canhoto Ugo Humbert.

Com sete aces no primeiro set, Shapovalov não enfrentou break-points e aproveitou uma de suas poucas chances de quebra para sair na frente no placar. A segunda parcial teve uma quebra para cada lado, com Murray abrindo 3/1 no placar, mas permitindo o empate de imediato. O britânico ficou a dois pontos da eliminação na primeira rodada, mas sobreviveu ao equilibrado tiebreak. E no terceiro set, o ex-líder do ranking conseguiu duas novas quebras e cedeu apenas cinco pontos nos games de serviço para consolidar a virada.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Vinícius da Silva Reis
Paulo Vinícius da Silva Reis
1 mês atrás

Desejando ao Murray toda sorte nessa temporada!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE