PLACAR

Lajovic explica por que encarar Nadal é mais duro que Djokovic

Dusan Lajovic (Foto: Srpska Open)

Londres (Inglaterra) – Apesar de ser naturalmente um defensor de seu compatriota Novak Djokovic no debate sobre quem é o maior tenista de todos os tempos, o sérvio Dusan Lajovic não hesitou em escolher outro nome quando questionado, em entrevista para o Tennis365, sobre qual jogador lhe causou mais problemas em sua carreira.

“Rafa (Nadal) sem dúvida. Quando você tem um backhand de uma mão, ele pode lhe dar muito trabalho com aquele topspin. É simplesmente um pesadelo. Joguei contra o Rafa em Roland Garros há dez anos e ele destruiu todo mundo naquele ano, então não foi uma vergonha perder para ele”, contou Lajovic, que depois perdeu mais dois jogos para o canhoto de Mallorca.

O sérvio também perdeu os dois jogos que teve contra o suíço Roger Federer e conseguiu derrotar o compatriota Djokovic uma vez em três encontro, no ATP de Banja Luka no ano passado. “O desafio quando você joga com esses caras é que está jogando contra uma lenda, acaba enfrentando também o currículo deles”, disse o atual 56 do mundo.

“Então quando você chega perto do final de uma partida contra eles e tem chance de vencer, é mais difícil porque sabe que está enfrentando alguém muito especial. Vimos que isso entra na mente do jogador e eles engasgam no final. É por isso que esses caras tops voltam tantas vezes quando parecem derrotados”, acrescentou Lajovic.

O sérvio de 34 anos comemora o fato de ter podido enfrentar os três representantes do Big 3 durante sua carreira. “Tenho sorte de ter jogado contra todos os grandes nomes. Joguei contra Roger em Wimbledon e joguei contra Rafa no Roland Garros. No dia em que venci o Novak, consegui focar no momento e ignorei quem estava do outro lado. Só assim para bater esses caras”, contou.

“Essa é definitivamente uma experiência única na vida e algo que contarei aos meus netos. Um dia, quando estiver sentado na minha varanda fumando cachimbo, posso dizer que fui um dos caras que venceu Novak, então isso é incrível”, complementou Lajovic, que não se deu bem no sorteio de Wimbledon e enfrentará o búlgaro Grigor Dimitrov na primeira rodada.

10 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Andrei
Andrei
15 dias atrás

Djokovic é um jogador comum, apenas com um super preparo físico…

Silvio Dilkin
Silvio Dilkin
15 dias atrás
Responder para  Andrei

Tá de sacanagem…… é o jogador mais completo da história do tênis. Simplesmente não tem defeitos. E quem está falando é um torcedor fanático do Federer !!

Oscar Riote
Oscar Riote
15 dias atrás
Responder para  Silvio Dilkin

Não é o mais completo. Slices, saques e voleios são golpes de nível mediano. E Smash terrível e inseguro.

Carlos Alberto Ribeiro da Silv
Carlos Alberto Ribeiro da Silv
15 dias atrás
Responder para  Oscar Riote

Pra quê golpes melhores se os golpes que ele sabe foram suficientes para levá-lo a bater tantos recordes na carreira?

Oscar Riote
Oscar Riote
15 dias atrás

Vice tem razão em partes. O importante é vencer.
Mas não é disso que estamos falando, o contexto é ser completo ou não. E isso ele nao é.

Flávio
Flávio
13 dias atrás

Carlos o amigo aí de cima está de delirando ao dizer que Djokovic é comum, ora bolas ele deve esta confundindo o craque Djokovic com Swiatek viu.

CRAS
CRAS
14 dias atrás
Responder para  Silvio Dilkin

Calma Silvio. Um tal de Mats Wilander declarou que do Big Three o Djoko é superior porque é o único que não tem ponto fraco, mas o melhor mesmo é levar em consideração a opinião do colega Andrei e dos demais desse forum que acham o Djoko um jogador comum. Abraços e Força Nole!!!

CCC
CCC
14 dias atrás
Responder para  Andrei

Sempre a mesma conversa…

Flávio
Flávio
13 dias atrás
Responder para  Andrei

Desculpa cara, mas acho que vc viajou nessa pois Djokovic não é jogador comum porque tem técnica apurada porque sabe usar curtas, slice, smash, lob, voleio e saca bem também, então é completo.

Carlos Alberto Ribeiro da Silv
Carlos Alberto Ribeiro da Silv
15 dias atrás

Dá pra entender a dificuldade dos fãs do Federer e do Nadal aceitarem que o Djokovic é melhor entre os três Big 3. Ficam levantando argumentos sem sentido pra tentar diminuir e desmerecer o GOAT mas não tem jeito, os resultados estão aí pra mostrar quem é o melhor. Um tenista com um super preparo físico e com uma técnica comum poderia ganhar um ou outro jogo do Federer e do Nadal mas não ter vantagem no confronto direto contra ambos, conseguir dominar a nova geração e ganhar o tanto de torneios importantes que o Nole já conquistou.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE