PLACAR

Monteiro fura quali em Madri e disputa seu 10º Masters 1000

Foto: Fotojump

Madri (Espanha) – A chave principal do Masters 1000 de Madri terá mais um brasileiro. Nesta terça-feira, o cearense Thiago Monteiro venceu o moldávio Radu Albot pela última rodada do quali, em uma dura batalha de três sets e 2h26 de duração, com o placar final de 7/6 (8-6), 1/6 e 6/4, e assim se juntará ao paranaense Thiago Wild e o carioca João Fonseca na disputa do torneio espanhol.

Com a classificação para a chave principal, Monteiro disputará um Masters 1000 pela 10ª vez na carreira. Sua estreia neste nível de torneio foi em 2017 em Indian Wells, caindo logo na estreia. Ele tem apenas três vitórias, todas na temporada passada, quando avançou à segunda rodada em Miami, Madri e Roma.

Monteiro oscilou com o serviço durante a partida, principalmente com queda de nível no segundo set, mas terminou com 64% de aproveitamento, contra 67% de Albot. Apesar da vitória, o cearense anotou uma bola vencedora a menos do que o adversário (20 a 21) e teve um erro não forçado a mais (14 a 13). No total de pontos conquistados, o moldávio também levou a melhor (92 a 85).

Esta foi a segunda vez que os dois mediram forças e também a segunda vitória do brasileiro, que havia superado Albot, de 34 anos e atual 133 do mundo, três anos atrás na primeira rodada no ATP 250 de Belgrado. Monteiro espera o término do quali em Madri para o sorteio que irá definir seu lugar na chave principal.

Começo de jogo bem duro

O primeiro set foi equilibrado e por pouco não acabou nas mãos de Albot, que conseguiu uma quebra no quinto game, na única chance que teve, e administrou a vantagem até sacar para fechar em 5/4. Foi então que Monteiro reagiu, teve três break-points no décimo game e converteu o último deles, levando depois a definição para o tiebreak.

No desempate, o cearense foi melhor e liderou o placar por boa parte do tempo, conseguindo o primeiro mini-break no sexto ponto. Após abrir 5-3, ele viu o rival empatar por 5-5, conseguiu sacar para fechar em 6-5, mas só fechou a parcial no segundo set-point que teve, fazendo 8-6 para largar na frente no confronto.

Queda no 2º set e recuperação no 3º

Só que o canhoto de Fortaleza não manteve o ritmo no segundo set, principalmente com o serviço, cujo aproveitamento caiu de 68% para apenas 40%. Albot aproveitou e foi para cima, começou abrindo 3/0 e depois de Monteiro confirmar o saque pela única vez, obteve mais uma quebra para anotar nova sequência de três games e assim deixar tudo igual no placar.

Assim como no primeiro set, o equilíbrio foi a marca do terceiro, novamente com poucas chances para ambos os lados. Pela primeira vez no jogo, Monteiro conseguiu salvar break-points, foram dois contra no nono e penúltimo game. O cearense respondeu muito bem à ameaça e no game seguinte pressionou Albot, que encarou match-point com o saque em 4/5, foi quebrado e perdeu o jogo.

44 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo A.
Paulo A.
26 dias atrás

Eu cantei essa bola aqui ontem: deu Thiago, grande guerreiro!

Adalberto
Adalberto
26 dias atrás
Responder para  Paulo A.

Verdade! Isso ninguém tira do Monteiro, luta até a última bola!

Adalberto
Adalberto
26 dias atrás
Responder para  Paulo A.

Lindo de ver 3 brazucas na principal…

Carlos Cypriano
Carlos Cypriano
26 dias atrás

Valeu Monteiro!!!

Marcus Dantas
Marcus Dantas
26 dias atrás

Apesar da queda no ritmo no 2 set, conseguiu manter a cabeca no terceiro e decisivo e foi cirurgico no ultimo game.. bela vitoria. O adv vai ter pesadelo com os brasileiros kkk

Guilherme Alcantara
Guilherme Alcantara
26 dias atrás

Pra mim foi uma baita Vitória. Albot a temporada melhor que a do brasileiro, que pelo que estava jogando pra mim, não passaria.
Já está no lucro e agora eh jogar solto contra quem for.

Paulo Mala
Paulo Mala
26 dias atrás

Caramba, apenas o décimo!
O Wild deve ultrapassar essa marca já no ano que vem.
Fonseca também é esperado a fazer isso em poucos anos

Evandro
Evandro
26 dias atrás
Responder para  Paulo Mala

Sim. E será normal que isso aconteça. Nada que desmereça o trabalho do Thiago Monteiro.

Refaelov
Refaelov
26 dias atrás
Responder para  Paulo Mala

Em defesa do Monteiro, ele teria um n° bem maior de participações se a maior parte dos Masters já fosse com chave ampliada. Na maior parte da carreira dele, até pouquíssimo tempo, apenas Miami e IW funcionavam dessa forma..

Última edição 26 dias atrás by Refaelov
Fernando Venezian
Fernando Venezian
26 dias atrás
Responder para  Paulo Mala

Paulo, dez e tá bom demais! Thiagão é limitadíssimo tecnicamente, por isso já é um grande feito! Comparações é uma chatice!

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás

Caiense? De toda forma, parabéns pela campanha nesse quali, depois da campanha sofrível na gira de challengers no saibro parecia missão impossível chegar na chave principal. Pena que a essa altura já dê para diagnosticar que o jogo do Monteiro é muito dependente do nível do adversário, ele tem muitas dificuldades em se impor mesmo quando tem mais bola, frequentemente faz jogos brilhantes e parelhos contra top 20 e inevitavelmente perde, contra top 250 raramente consegue se impor, quando ganha desses é normalmente no esforço e no suor, e perde desses tenistas mais fracos muito mais do que deveria. Não sei se teria tido como mudar algo no jogo dele para que isso não ocorresse tanto, mas agora já é tarde, o que vier nas próximas temporadas será lucro, quem sabe todo o azar e todos os detalhes que o fizeram perder tantos jogos ganháveis não revertam algum dia e ele consiga finalmente alguma glória maior que seu potencial fazia crer que alcançaria.

Marcus Martins
Marcus Martins
26 dias atrás

Três brasileiros num master 1000.. Alguém sabe a última vez…

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás
Responder para  Marcus Martins

no Masters de Miami 2003 houve 4 brasileiros na chave (Kuerten, Meligeni, Saretta e Sá), com os 3 primeiros jogando a segunda rodada… provável que nessa época tenha havido algum outro Masters 1000 com 3 na chave, mas depois de 2004 acho que não aconteceu não…

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás
Responder para  Marcus Martins

Indian Wells 2010 também teve 4 brasileiros (Belluci, Marcos Daniel, Ricardo Mello e Tiago Alves)…

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás
Responder para  Marcus Martins

Miami 2010 teve Bellucci, Ricardo Mello e Marcos Daniel

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
26 dias atrás

Tem muita gente que não gosta do Monteiro,mas tem que respeitar,o cara é um batalhador,vai disputar mais um masters pra o desespero dos haters,vamos que vamos!!!

Paulo A.
Paulo A.
26 dias atrás
Responder para  Matheus Ferreira

Avançou em um qualifying dificílimo, contra todas as expectativas. Poucos eram os que apostavam nele. Já ganhou um ótimo prêmio e, se tiver sorte na chave, pode avançar mais uma rodada. Tá lindo!

Refaelov
Refaelov
26 dias atrás
Responder para  Paulo A.

Olha Paulo, n é bem assim, pra começar ele enfrentou 2 tenistas com ranking mais baixo q o dele.. parabéns pela classificação mas, looonge de ter feito algum milagre, na vdd fez oq deveria fazer com mais frequência -vencer os jogadores com ranking muito abaixo do seu, ganhar pelo menos 1/3 dos jogos contra adversários de ranking próximo, aproveitar com mais frequência esses momentos onde um favorito cai precocemente e a chave se abre-.

Última edição 26 dias atrás by Refaelov
Paulo A.
Paulo A.
26 dias atrás
Responder para  Refaelov

Tu não sabes é nada do circuito profissional!

Albert
Albert
26 dias atrás

Eu já tinha o meu “lá vem o Thiago descendo a ladeira” engatilhado – dedos nervosos sobre o teclado – quando aparece o grande Thiago Monteiro e me dá essa tapa na cara, calando minha boca. Parabéns pela vitória, quando menos acreditávamos. Que continue nos surpreendendo e calando minha boca sempre q possível.

Evandro
Evandro
26 dias atrás
Responder para  Albert

Muito imediatismo dá nisso. Tem um ano e meio apenas que ele atingiu 61 no ranking. Monteiro ainda está vivendo o seu auge.

Albert
Albert
26 dias atrás
Responder para  Evandro

Vc escreve isso pra todo o mundo q critica ou criticou o Monteiro, ou so eu q estou tendo esse privilégio? Escrevi um comentário bem humorado, elogiei, e tenho q ler esse isso….

Evandro
Evandro
26 dias atrás
Responder para  Albert

Albert, vc está muito melindroso. Não respondi nada demais.

Fernando Venezian
Fernando Venezian
26 dias atrás

O espírito de luta do Monteiro é admirável! Salvou os breaks como gente grande, indo pras bolas! Tá de parabéns pela coragem!

Gilbert Becou
Gilbert Becou
26 dias atrás

Bela vitória,como diria minha vó,panela véia é q faz comida boa.

Claudio Marçal
Claudio Marçal
26 dias atrás

Ganhou o jogo ao virar aquele 15/40 no 4/4! Mostrou resiliência e mental em dia! Duas vitórias seguidas pra dar confiança! Vamooo!

Grau
Grau
26 dias atrás

Radu já pode vir passar as férias no Brasil. Já é nosso freguês

Guilherme Ribeiro
Guilherme Ribeiro
26 dias atrás

Boa Monteiro. Mais uma participação em Master1000. Que seja a virada no ano, e que os bons momentos voltem. Ainda pode ser competitivo.

Evandro
Evandro
26 dias atrás

Monteiro e Albot são bem equiparados no circuito, flutuando ambos pelo 100 lugar há uns bons anos. Mas, o brasuca venceu os dois duelos entre eles, o que não é pouco para comparação. Digno de nota é ele ser 5 anos mais novo que o moldavio e este ter alcançado seu lugar no top 50 (e o único ATP) exatamente há 5 anos. Sei não… acho que esse ano o Thiago leva seu ATP pra casa.

Refaelov
Refaelov
26 dias atrás
Responder para  Evandro

Pra ganhar ATP 250 tem q disputar né.. Monteiro tem alergia a encarar Qualys desses torneios fora da América do Sul..

Evandro
Evandro
26 dias atrás
Responder para  Evandro

Kkkkkkk aí eu já não sei, Refaelov. Vamos torcer para darem uma coragem nova para ele.

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás
Responder para  Evandro

A carreira do moldavo é mais consistente do que a do monteiro, já foi top 40, já ganhou ATP e chegou na 3R em 3 GS, além de ter feito semi em duplas no US Open. Mas é um bom exemplo de alguém que atingiu o topo aos 30, espero que o monteiro consiga fazer algo parecido.

Refaelov
Refaelov
26 dias atrás

Parabéns ao Monteiro pela classificação! Tava precisando de um bom resultado. Torcer por uma primeira rodada mais acessível..

Assisti boa parte do jogo e o Thiago hj foi muito bem mentalmente, buscou a quebra no 4-5 do 1° set, fez um TB muito firme. No 2° set foi mal demaaaais no saque(raríssimo ele ir tão mal no saque- pra mim é de longe o BR mais confiável nesse fundamento) mas, n deixou-se abalar e voltou ao bom nível no 3°set.. como falaram abaixo, sair daquele 15×40 no 4×4 foi a chave, no game seguinte o Albot sentiu a pressão e perdeu o jogo numa dupla falta. Bora por mais!

Última edição 26 dias atrás by Refaelov
Jorge Luiz
Jorge Luiz
26 dias atrás

Monteiro guerreiro

Arthur
Arthur
26 dias atrás

Milagres acontecem viu..

Alexandre
Alexandre
26 dias atrás

Boa Thiago

Juscelino Pinho
Juscelino Pinho
26 dias atrás

Eu acreditei nessa possibilidade.
Parabéns Monteiro.
Bora regressar ao top 100.

Fábio
Fábio
26 dias atrás

Brazilian Storm. Chora haters.

Marcus Henrique
Marcus Henrique
26 dias atrás

Rapaz…Monteiro fura um qualy DE MASTERS 1000, e ainda vem nêgo reclamar do cara…

Isso é que é ser viu…

Marcus Henrique
Marcus Henrique
26 dias atrás

Monteiro tem bem menos técnica que o Wild e o João Fonseca. Mas tem bem mais garra que o Wild.

Wild tá jogando bem porque tá empolgado com seu momento. Mas se tivesse 30% da garra do Monteiro, seria top 30 hoje…

Marcus Henrique
Marcus Henrique
26 dias atrás

O mal do Monteiro é a inconstância do seu jogo, e a falta de recursos. O jogo do Monteiro é muito previsível…e ele perde demais pra jogadores com ranking inferior e com menos jogo que ele.

As duas derrotas pro Luz foram INACEITÁVEIS. O Luz é MUITO FRACO, e o Monteiro devia ter passado o rodo. Aliás: Monteiro devia ter jogado challengers melhores, pra não ter que ficar se trocando com tenistas brasileiros desqualificados…

Se o Monteiro tivesse feito campanhas minimamente regulares nesse início de ano, já teria voltado ao top 100 e estaria entre 80 e 90.

Marcelo hamu de Oliveira
Marcelo hamu de Oliveira
26 dias atrás

Vai pegar o sérvio Dusan Lajovic na primeira rodada, não é um bicho de sete cabeças..da pra passar

Bernardo
Bernardo
26 dias atrás

Lajovic no saibro é tenso, ele já fez final em M1000 e acabou de fazer semi em Barcelona. Embora não seja imbatível, o sérvio é franco favorito no confronto.

Neto
Neto
25 dias atrás

Monteirão da Massa!! Parabéns!! Vamos nessa!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Nadal leva público italiano ao delírio com incrível reação

Conheça o que aconteceu nos bastidores do WTA 100 de Madri

PUBLICIDADE