PLACAR

Recém aposentada, Giorgi é investigada por fraude fiscal

Camila Giorgi (Foto: Giampiero Sposito/FITP)

Milão (Itália) – A repentina aposentadoria da italiana Camila Giorgi causou estranheza no mundo do tênis. Muito mais do que a surpresa pelo fim da carreira da jogadora de 32 anos, a forma silenciosa como ela se retirou das quadras foi o que mais chamou atenção. Sem nenhum anúncio oficial por parte dela ou de seu entorno, o público e a mídia só descobriram que ela não estava mais em atividade quando seu nome apareceu na lista de atletas aposentadas da Associação Internacional de Integridade do Tênis (ITIA), que é atualizada semanalmente.

Só então depois de alguns dias é que a ex-top 30 resolveu se pronunciar, com um post nos stories do Instagram. “Estou feliz por anunciar formalmente o fim da minha carreira no tênis. Sou grata pelo apoio e o amor que recebi por tantos anos. Tem havido muitos rumores falsos sobre meus planos futuros, e estou ansiosa para dar mais informações sobre as oportunidades que estão por vir. Peço gentilmente que sigam minha página no Instagram para obter informações verdadeiras, porque até agora só estão saindo artigos falsos”, escreveu a italiana.

As notícias às quais a agora ex-tenista se referia têm a ver com rumores de que ela estaria fugindo da Justiça italiana. Diante de tanto mistério, o tradicional jornal La Gazzetta dello Sport fez uma reportagem revelando que Giorgi está sendo investigada por fraudes fiscais em seu país natal e que teria se mudado às pressas para os Estados Unidos. Além de Camila, o Ministério Público de Florença também apura ilegalidades de sua família, o que inclui a mãe (Claudia), o pai (o argentino Sergio, que também era seu treinador) e dois irmãos (Leandro e Amadeus), por sonegação de impostos.

Italiana sumiu e tem outra pendência com a justiça

Segundo as investigações, Giorgi estaria devendo cerca de 446 mil euros à Receita Federal. Ela foi convocada para depor no dia 13 de abril, mas não apareceu e desde então não deu mais notícias sobre sua localização, tampouco responde a e-mails, mensagens ou ligações. Até mesmo o site da marca de roupas Giomila, que foi fundada pela sua família e a jogadora vestia em quadra, está fora do ar. A publicação da Gazzetta dello Sport diz ainda que os Giorgi não possuem nenhum bem na Itália, nem mesmo imóveis.

Outro importante jornal italiano, o Corriere della Sera publicou no último sábado que Camila e seu pai foram acusados pelo proprietário de um imóvel por deverem seis meses de aluguel. Além disso, a denúncia diz que os Giorgi teriam roubado artigos antigos no valor equivalente a 100 mil euros.

Em 2022, Camila Giorgi já havia sido acusada de ter falsificado comprovantes de vacinação contra a Covid-19 para poder continuar jogando no circuito, o que foi confirmado no ano passado pela médica que teria lhe fornecido certificados adulterados, assim como para a cantora Madame. O caso ainda será julgado e ela precisará comparecer à Justiça italiana no dia 16 de julho.

Leia também:

Camila Giorgi encerra a carreira de maneira silenciosa

5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
F.F.
F.F.
28 dias atrás

A beleza dessa moça a inocenta de todos e quaisquer pecados
Se vier para os EUA, ótima decisão
Segue o jogo

Luiz Walter
Luiz Walter
28 dias atrás

Bonita e desonesta.

José Nilton Dalcim
Admin
28 dias atrás
Responder para  Luiz Walter

Calma, Luiz. Ela está sendo investigada, não se deve fazer julgamentos precipitados, não acha?

Fábio
Fábio
28 dias atrás
Responder para  José Nilton Dalcim

Tadinha dessa gatinha

Adalberto
Adalberto
27 dias atrás
Responder para  José Nilton Dalcim

Verdade Dalcim… É só investigação, por enquanto…
O problema desse esporte para alguns, mas que eu acho uma virtude, é que ele é muito transparente!
Tudo anunciado!
Premiação por vitória, por mérito, etc…
E os patrocínios ficam estampados nas roupas, nas orelhas, nos braços, na cara, etc.. kk… Não tem como esconder… O Fisco nem procura o atleta… já vai direto no anunciante… é manha…
Melhor declarar tudo, senão…

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE