PLACAR

Collins dá grande salto na WTA após maior título de carreira

Foto: Maria Christina Acosta

Miami (EUA) – Campeã do WTA 1000 de Miami, o maior título da carreira, a norte-americana Danielle Collins deu um grande salto no ranking divulgado nesta segunda-feira. A tenista de 30 anos, que irá se aposentar no final da temporada, ganhou 31 lugares na lista da WTA e agora é a atual número 22 do mundo.

Finalista do Australian Open em 2022, Collins chegou a ser top 10 justamente naquele ano, alcançando o sétimo lugar em julho de 2022, sua melhor marca até então. Curiosamente, após a conquista na Flórida, ela subiu justamente para a sétima colocação na corrida da temporada, podendo sonhar em atingir seu melhor ranking em 2024.

A polonesa Iga Swiatek segue firme na liderança, com quase 3 mil pontos de frente em relação à bielorrussa Aryna Sabalenka. Completam o top 5 da WTA, que permaneceu inalterado, a norte-americana Coco Gauff (3ª), a cazaque Elena Rybakina (4ª) e a norte-americana Jessica Pegula (5ª).

O ranking desta segunda-feira teve apenas uma mudança em todo o top 10, com a ascensão da grega Maria Sakkari, que ganhou duas posições e agora é a número 7 do mundo, ultrapassando a chinesa Qinwen Zheng (8ª) e a tcheca Marketa Vondrousova (9ª). Fecham a lista das 10 melhores do mundo a tunisiana Ons Jabeur (6ª) e a letã Jelena Ostapenko (10ª).

Campeã do ano passado, a tcheca Petra Kvitova despencou no ranking desta semana, perdendo 37 colocações por não defender o título. Bicampeã de Wimbledon em 2011 e 2014, a canhota de Bilovec fez uma pausa na carreira em 2024 para se tornar mãe pela primeira vez.

Collins se emociona com sonho realizado e título em casa

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE