PLACAR

Brasil é convocado para o Sul-americano de 12 anos

Eduardo Fenelon (Foto: Luiz Cândido/ CBT)

Florianópolis (SC) – O Brasil está definido para a disputa do Sul-americano de 12 anos. Na última sexta-feira, foram convocados os atletas que representarão o país na competição, que acontece em Assunção, no Paraguai, de 24 a 29 de junho. O evento é classificatório para a Copa Cosat da categoria, disputada no final do ano em local a ser definido.

Ao todo, foram chamados seis atletas conforme critérios estabelecidos previamente pela Confederação Brasileira de Tênis (CBT). A equipe masculina tem Douglas Júnior como capitão e é formada pelo paulista Dante Monte, o brasiliense Eduardo Fenelon e o gaúcho Vitor Moraes. Já a equipe feminina tem a presença da paranaense Eduarda Gomes, da paulista Gabriela de Carvalho e da brasiliense Giulia Margotti, além do capitão Eder Barboza.

Para Barboza, as equipes brasileiras chegam para brigar na parte de cima das tabelas. “As equipes deste ano possuem alto nível de competição. Agora, vamos em busca de um novo desafio de uma categoria que é o início dos torneios internacionais para todos os atletas”, destacou.

Júnior também ressalta a importância da competição na formação dos futuros tenistas. “O Sul-americano é uma oportunidade única para toda equipe. Com certeza servirá para a evolução dos jogadores e a expectativa é a melhor possível. Vamos em busca da classificação para a Copa Cosat no final do ano”, completou.

Acontecendo em duas etapas, o Sul-americano é dividido em duas chaves e segue no formato round-robin. Os líderes de cada grupo avançam para a fase final, onde se enfrentam pelo título.

Pelo sistema de disputa, o confronto entre países é compostos por três jogos: duas partidas de simples e uma duplas. O vencedor do confronto é o país que obtiver pelo menos duas vitórias no embate.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE