PLACAR

Arnaldi surpreende e impõe nova derrota precoce a Rublev

Matteo Arnaldi (Foto: Corinne Dubreuil/FFT)

Paris (França) – A festa italiana está completa nesta sexta-feira em Paris. Além das vitórias de Elisabetta Cocciaretto e Jannik Sinner, o jovem Matteo Arnaldi é mais um representante do país da bota garantido nas oitavas de final em Roland Garros. No segundo jogo do dia na Suzanne Lenglen, o jogador de 23 anos e 35º colocado do ranking surpreendeu o russo Andrey Rublev, sexto principal favorito do torneio, e marcou uma vitória em sets diretos, com parciais de 7/6 (8-6), 6/2 e 6/4 em 2h33.

Além do trio já classificado para a quarta fase, a Itália ainda tem Jasmine Paolini e Lorenzo Musetti vivos na chave principal de simples, ambos ainda precisando disputar a terceira rodada. Enquanto a cabeça 12 encara a canadense Bianca Andreescu na manhã do próximo sábado, o 30º pré-classificado desafia o número 1 do mundo Novak Djokovic no encerramento da programação da Philippe Chatrier no mesmo dia.

Por sua vez, Arnaldi já iguala sua melhor campanha em Grand Slam, repetindo as oitavas do último US Open. Em Roland Garros, ele tinha uma única participação, parando ainda na segunda fase do ano passado. De quebra, o italiano conseguiu sua primeira vitória contra um top 10 em Slam e se tornou o quinto tenista do país a bater um dos dez melhores do mundo em Paris na última década, feito também alcançado por Marco Cecchinato, Jannik Sinner, Fabio Fognini e Lorenzo Sonego.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Seu próximo adversário no saibro francês sairá do duelo entre o chinês Zhizhen Zhang e o grego Stefanos Tsitsipas, nono cabeça de chave. Em ambos os casos, o confronto será inédito no circuito profissional.

Rublev segue com incômodo tabu

Rublev teve boas vantagens no primeiro set, com quebra no sétimo game e depois um set-point no tiebreak. A partir do 2-1 do segundo set, saiu de vez de jogo e perdeu cinco games consecutivos. Foi à loucura, jogando raquete, batendo no chão, esmurrando as pernas e discutindo com a árbitra. A quebra na metade do terceiro set selou seu destino diante de um adversário muito sólido o tempo todo.

A derrota ainda na terceira rodada de Roland Garros não é nenhuma novidade para Andrey Rublev, que caiu nesta mesma etapa na edição passada. Apenas em sua sexta participação no torneio, ele coleciona ainda duas derrotas em estreias e duas quartas. E é justamente a barreira da antepenúltima fase que o russo segue sem conseguir ultrapassar em Grand Slam. Até aqui já são dez eliminações em quartas de final na carreira.

Por outro lado, ao repetir o resultado de 2023, Rublev ainda não tem o sexto lugar do ranking seriamente ameaçado, ao menos por enquanto. Porém, ele precisará torcer contra jogadores como Hubert Hurkacz, Alex de Minaur, Grigor Dimitrov, Stefanos Tsitsipas e Casper Ruud. No caso do norueguês, apenas o título seria capaz de fazê-lo ultrapassar o russo.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Alírio
Alírio
12 dias atrás

Por isso que venho falando que o RG no tênis masculino este ano promete mesmo e a queda inesperada do Rublev comprova isso, realmente esta demais o RG dos homens o nível deles é muito alto.

Ricardo
Ricardo
12 dias atrás

Hoje o Rublev deu uma do Wild.Totalmente patetico em quadra quebrando raquete e chutando seu banco.Enquanto isso o ” limitado”Echeverry passou para a terceira rodada

Neto
Neto
12 dias atrás

Andrey deve ter choramingado um monte..

James Garcia
James Garcia
12 dias atrás

Vergonhoso demais um profissional desse nível ficar dando esses xiliques patéticos

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE