PLACAR

Victória Barros e Pietra Rívoli avançam às quartas em Lima

Pietra Rivoli (Foto: Luiz Cândido/CBT)

Lima (Peru) – Em rodada com três brasileiras em quadra, a potiguar Victória Barros e a gaúcha Pietra Rívoli avançaram às quartas de final do ITF J300 de Lima. E ambas conseguiram vencer jogadoras cabeças de chave nesta quarta-feira.

Victória, de apenas 14 anos e 199ª do ranking, eliminou a norte-americana de 17 anos Mia Slama, cabeça 4 do torneio e 51ª do mundo, por 3/6, 6/4 e 6/2. Sua próxima rival será a eslovaca de 15 anos Natalia Krockova, 127ª colocada.

Pietra Rívoli, de 15 anos e 210ª do ranking, bateu a chinesa de 17 anos Yichen Zhao, 126ª, por 7/5 e 6/2. Sua próxima rival é a chilena Antonia Vergara Rivera, terceira favorita e 42ª colocada.

Já a paulista de 17 anos Olívia Carneiro, cabeça 2 em Lima e 34ª do ranking, foi eliminada nas oitavas pela canadense Emma Dong, 324ª colocada, por 6/3 e 7/6 (7-5).

As campanhas até as quartas de final em Lima rendem 100 pontos no ranking para as duas brasileiras. Para a composição do ranking são considerados os seis melhores resultados em simples e mais 25% da soma das seis melhores pontuações nas duplas. Victoria tem apenas 30 pontos a descartar, Pietra descarta 36. O torneio dá 300 pontos à campeã, 210 para a vice e 140 para as semifinalistas.

Único brasileiro a ter passado pela primeira rodada na chave masculina, o gaúcho de 17 anos e vindo do quali Thiago Guglieri parou nas oitavas. O atual 323º do ranking foi superado pelo russo Timofei Derepasko, principal cabeça de chave e 37º do mundo, por 6/7 (5-7), 6/3 e 6/2.

Semifinais de duplas em Lima
Três brasileiros estão nas semifinais de duplas. O carioca Nicolas Oliveira e seu parceiro argentino Lucca Guercio enfrentam o russo Timofei Derepasko e o sueco William Vinciguerra. Do outro lado da chave, o goiano Luis Augusto Miguel e o italiano Vito Antonio Darderi enfrentam o norte-americano Maximus Dussault e o nicaraguense Joaquin Guilleme. Nas duplas femininas, Sthefany de Lima e ucraniana Yelyzaveta Chainykova enfrentam a eslovaca Natalia Krockova e a canadense Nadia Lagaev.

Quartas no México e na Guatemala
Os brasileiros tiveram rumos opostos na rodada de oitavas de final do ITF J60 da Guatemala, em quadras duras. Lucca Acioly venceu o norte-americano Alexander Farias por 7/6 (7-4) e 6/0. Ele agora enfrenta tenista dos Estados Unidos, Sklar Phillips. Ainda nesta quarta-feira, Luca Laurindo sofreu 6/0 e 6/3 do norte-americano Agassi Rusher.

Já pelo ITF J60 de Zapopan, em quadras de saibro no México, Brian Tremblay chegou às quartas de final depois de vencer o tenista da casa Victor Carrillo por 5/7, 6/0 e 6/4. Ele enfrenta o cabeça 7 local Alejandro Ochoa em busca da semifinal.

Leia mais:

Olívia, Victória e Pietra avançam no ITF de Lima

8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Rebeca Fernandes
2 meses atrás

Incrível performance das nossas jovens tenistas! A determinação e talento de Victória Barros e Pietra Rívoli são inspiradoras, provando que a nova geração vem com tudo. É uma pena a eliminação de Olívia Carneiro, mas o esporte é assim, cheio de surpresas. Vamos, Brasil!

Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
2 meses atrás

Que belíssima vitória da Victoria. Surpreendente.

Paulo A.
Paulo A.
2 meses atrás
Responder para  Guilherme do ES Ribeiro

Nada surpreendente para quem acompanha a carreira da Vic já há alguns anos. Ela é um talento singular e ainda vai nos dar muitas a alegrias. O Mouratoglou, ex-técnico da Serena para quem não sabe, lhe fez rasgados elogios e está muito empolgado com ela. Mas foi, de fato, uma grande vitória!

Izaac
Izaac
2 meses atrás

Estou animado com a nova geração do tênis Ferminino!

Refaelov
Refaelov
2 meses atrás

Tenis feminino BR realmente parece ter boas perspectivas no médio/longo prazo..

Leonel
Leonel
2 meses atrás

Ganhar esse J300 significa vaga p
Roland Garros quase nas mãos. Meninas tem talento pra irem longe no profissional. Victoria e Nauhany saem na frente porque são mais novas e fora da curva. Devem estrear ainda em 2024 no profissional.(precisa ter 14 anos pra iniciar no profissa)

Camila
Camila
2 meses atrás

Eu sou apaixonada pela Vitória, que linda vitoria!!!! Tenho certeza de que ela será a nossa Serena Williams !!! Avante Vic!!!!❤❤❤❤

trackback

[…] da Federação Internacional. A atual 199ª do ranking também terá a melhor marca da carreira. Ela está somando 140 pontos pela campanha e tem apenas 30 a descartar. Com isso, já irá se aproximar da 140ª […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE