PLACAR

Tsitsipas tem trabalho, mas passa pelo perigoso Altmaier

Foto: Clement Mahoudeau/FFT

Paris (França) – Responsável pela eliminação do italiano Jannik Sinner no ano passado, o alemão Daniel Altmaier mais uma vez mostrou ser um cara perigoso em Roland Garros e deu trabalho para o grego Stefanos Tsitsipas, que precisou lutar por quatro sets em 2h43 para superar a segunda rodada, nesta quarta-feira, marcando parciais de 6/3, 6/2, 6/7 (2-7) e 6/4

O próximo adversário no caminho do grego de 25 anos, que foi vice-campeão no saibro parisiense em 2021 e parou nas quartas de final no ano passado, sairá do confronto entre o italiano Lorenzo Sonego e o chinês Zhizhen Zhang. Tsitsipas venceu os três duelos anteriores contra Sonego e ainda não cruzou com Zhang pelo circuito profissional.

Apesar da oscilação na terceira parcial e no começo da quarta, Tsitsipas teve controle da partida em sua maior parte. Ele obteve 17 bolas vencedoras a mais que Altmaier (54 a 37) e cometeu apenas dois erros não forçados a mais (27 a 25). Seu desempenho de saque também foi bastante bom, com 72% de aproveitamento, contra 68% do rival alemão.

Grande começo de jogo do grego

Tsitsipas começou bem a partida e teve os dois primeiros sets mais sob controle. No primeiro, ele anotou mais do que o dobro de boas vencedoras (14 a 6) e cometeu apenas dois erros não forçados a mais que Altmaier. Além disso, o grego teve ótimo desempenho com o saque, vencendo 77% dos pontos disputados. Sem enfrentar break-points, bastou converter a única chance que teve para largar na frente.

A história seguiu a mesma na segunda parcial, na qual o grego foi ainda mais preciso, cometeu apenas dois erros não forçados e disparou 13 bolas vencedoras. Com o saque, ele perdeu somente quatro pontos (80% de aproveitamento). Tsitsipas anotou duas quebras logo de cara, abriu 4/0 e depois só administrou a vantagem.

Reação alemã e susto para fechar

Depois de dois ótimos sets, Tsitsipas teve bem mais trabalho a partir de então. Altmaier voltou mais agressivo e sacando melhor a partir do terceiro e colocou o rival em situações complicadas. O grego teve que salvar um break-point no segundo game, e outro no quarto. A definição foi para o tiebreak, no qual o germânico se controlou mais, fez 7-2 e diminuiu a desvantagem.

Tsitsipas sentiu um pouco o mau momento e chegou a gritar com seu box na quarta parcial. A situação complicou um pouco quando ele levou uma quebra e viu Altmaier sacar em 4/3, mas então colocou a cabeça no lugar e cresceu no fim para anotar duas quebras seguidas e vencer os três games que precisava para garantir a vitória e a vaga na terceira rodada.

 

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE