PLACAR

Tricampeã em Miami, Azarenka volta à semi após 6 anos

Foto: Maria Christina Acosta

Miami (EUA) – Tricampeã do WTA 1000 de Miami, Victoria Azarenka está de volta à semifinal do torneio depois de seis temporadas, repetindo uma campanha feita em 2018. A ex-número 1 do mundo superou nesta terça-feira a cazaque Yulia Putintseva, 68ª do ranking, por 7/6 (7-4), 1/6 e 6/3 em 2h55 de partida.

Azarenka conquistou o título em Miami nos anos de 2009, 2011 e 2016. A experiente jogadora de 34 anos tem 10 títulos e cinco vices em torneios WTA 1000. Ela disputará sua 24ª semifinal em torneios deste porte. Em todo o circuito, são 21 títulos e 20 vices. A atual 32ª do ranking vai recuperando posições e chegando ao 25º lugar.

“Foi uma batalha, Yulia fez uma grande partida e está em ótima forma. No segundo set, eu senti que minhas pernas estavam pesando um pouco. Estava perdendo um pouco da confiança porque ela estava me fazendo correr muito. Mas felizmente eu consegui me recuperar, aproveitar as minhas chances e ser agressiva”, explicou Azarenka, na entrevista em quadra.

A campanha de Azarenka em Miami começou com uma partida de 2h46 contra a norte-americana Peyton Stearns. Depois, ela passou pela Qinwen Zheng, número 7 do mundo e finalista do Australian Open. E nas oitavas, a bielorrussa passou pela britânica Katie Boulter em sets diretos.

É certo que Azarenka enfrentará uma tenista do top 10 na semifinal. Sua próxima rival pode ser a cazaque Elena Rybakina, número 4 do mundo, ou a grega Maria Sakkari, 9ª colocada. Ela perdeu os três jogos que fez contra Rybakina, um deles este ano em Dubai. Já contra Sakkari, venceu os dois duelos em 2020 e 2021.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Logo no início, a partida ficou paralisada por 53 minutos durante o primeiro set por conta de uma pane elétrica no estádio que prejudicou o funcionamento do sistema Hawk-Eye Live, que faz as marcações automáticas e bolas dentro ou fora. Naquele momento, Putintseva liderava o placar por 2/1, com apenas 18 minutos de disputa.

Bastante equilibrado, o primeiro set 1h30 de duração e duas quebras para cada lado. Putintseva esteve por duas vezes com quebra acima, liderou por 3/1 e ainda teve três set-points no saque quando vencia por 5/4. Azarenka conseguiu se salvar e teve dois set-points quando vencia por 6/5. Mas ela só fechou a parcial no tiebreak. O set teve 18 winners para cada lado, e 56 a 55 para a bielorrussa no total de pontos.

No segundo set, Putintseva teve sucesso na estratégia de mover bastante Azarenka nos ralis de fundo e deixou a bielorrussa em posições desconfortáveis, conseguindo três quebras para igualar a partida. A ex-número 1 do mundo começou o terceiro set escapando de um 15-40, mas depois conseguiu duas quebras. Ela chegou a liderar por 5/1. Ainda que Putintseva tenha salvo um match-point e devolvido uma das quebras, Azarenka conseguiu definir a disputa. Ela fez 47 a 39 nos winners e cometeu 44 erros contra 36.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Flávio
Flávio
21 dias atrás

A Azarenka é uma jogadora interessante porque tem qualidade técnica.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE