PLACAR

Toni lembra médico que decretou o fim de Rafa em 2005

Foto: Corinne Dubreuil/FFT

Madri (Espanha) – Já treinando no saibro para tentar voltar a competir no Masters 1000 de Monte Carlo, o espanhol Rafael Nadal tem enfrentado uma sequência de problemas físicos nos últimos anos que têm permitido pouca rodagem para o ex-número 1 do mundo. De acordo com Toni Nadal, o sobrinho desafiou as más notícias de saúde desde o início de sua carreira.

“Lembro que o médico que consultamos em 2005 nos disse que sua carreira havia acabado”, disse Toni em entrevista à Rádio Super Deportivo. “Rafael teve uma malformação num osso. É um problema congênito que lhe causa muitas dores. Havia jogos muito longos e as dores eram incessantes”, contou o tio do canhoto de Mallorca.

Toni destacou a perseverança de Rafa para chegar ao nível máximo no tênis. “Eu vi um menino que tinha problemas físicos desde o nascimento e lutava com eles desde a infância. Ele me ensinou que mesmo que você tenha muitos problemas, você pode continuar tentando alcançar os objetivos que estabeleceu para si mesmo”, falou o treinador.

Várias medidas, como palmilhas especiais, têm sido utilizadas para aliviar a dor no pé. “Outros pacientes que têm este problema fazem apenas exercícios muito leves”, explicou Toni, destacando a superação de Rafa durante a carreira.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Emerson
Emerson
29 dias atrás

E mesmo diante de todos esses problemas físicos ao longo da carreira, e de ter conquistado tudo o que conquistou, ainda continua a lutar para ter um final de carreira a altura do que foi sua extraordinária carreira ! Lenda !

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE