PLACAR

Sthefany de Lima e Victor Winheski são finalistas na Argentina

Sthefany de Lima (Foto: Luiz Candido/CBT)

Mendoza (Argentina) – O tênis brasileiro terá representantes nas duas finais de simples do J100 de Mendoza, em quadras de saibro na Argentina. A paulista Sthefany de Lima e o mineiro Victor Winheski venceram nas semifinais desta sexta-feira.

Sthefany, de 17 anos é a cabeça 2 do torneio e 178ª do ranking. Ela superou a chilena Agustina Soto Neira por 6/1 e 6/2 e ainda não perdeu sets nesta semana. Vencedora de dois torneios no circuito mundial juvenil da ITF, a brasileira enfrenta a argentina Sol Larraya, principal cabeça de chave e 134ª colocada.

Já Victor Winheski, de 16 anos e 581º do ranking, ainda busca seu primeiro título no circuito. Ele venceu o argentino Benjamin Chelia por 6/4, 6/7 (5-7) e 6/4 e enfrentará outro tenista da casa, o cabeça 7 Dante Pagani, 251º colocado.

O torneio em Mendoza dá 100 pontos na ITF para os campeões e 60 para os vices. O ranking considera os seis melhores resultados em simples e mais 25% das seis melhores pontuações nas duplas. Sthefany também foi finalista no ano passado e está defendendo os pontos, e pode chegar ao grupo das 160 melhores. Já Victor tem só 20 pontos a descartar e entra no top 500.

Luiz Felipe Silva é finalista no Panamá
O paulista de 16 anos Luiz Felipe Silva é finalista do ITF J60 de Llanos de Curundu, no Panamá. Cabeça 5 do torneio e 361º do ranking, ele venceu o norte-americano Zavier Augustin por duplo 6/4. Em busca de seu segundo ITF, Silva enfrenta outro tenista dos Estados Unidos, o principal cabeça de chave Jon Gamble, algoz de Pedro Dietrich por 6/0 e 6/1. O único título de Silva foi conquistado em outubro do ano passado, no México.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE