PLACAR

Sinner mantém série invicta e volta à final em Roterdã

Foto: Alyssa Lynch/ABN AMRO Open

Roterdã (Holanda) – Pelo segundo ano consecutivo, Jannik Sinner disputará a final do ATP 500 de Roterdã. Atual vice-campeão do torneio em quadras duras e cobertas, o italiano garantiu vaga na decisão depois de superar neste sábado o holandês Tallon Griekspoor por 6/2 e 6/4 em 1h21 de partida.

Campeão do Australian Open em janeiro, Sinner se mantém invicto na temporada em 11 partidas disputadas. E sua invencibilidade já chega a 14 jogos, porque ele também venceu outros três na campanha para o título da Itália na Copa Davis, no fim do ano passado.

O jovem jogador de 22 anos disputará a 16ª final da carreira e já tem 11 títulos no circuito. Atual número 4 do mundo, ele tem a chance de ultrapassar o terceiro colocado Daniil Medvedev em caso de título em Roterdã. Medvedev venceu a edição passada do torneio, mas não jogou este ano e vai perder 500 pontos.

O adversário de Sinner na final marcada para às 11h30 (de Brasília) deste domingo será o australiano Alex de Minaur, que derrotou o búlgaro Grigor Dimitrov por 6/4 e 6/3. O italiano venceu todos os seis duelos anteriores entre eles. De Minaur tem sete títulos de ATP e disputará sua 15ª final.

Sinner teve um início de partida arrasador contra Griekspoor, conseguiu uma quebra logo no game de abertura e pouco depois ampliou a vantagem para liderar por 5/1. O italiano enfrentou só dois break-points durante o primeiro set.

Apesar de o holandês ter precisado de atendimento no pé, o segundo set foi bem mais equilibrado. Sinner já começou a parcial saindo de um 15-40 e depois salvou mais dois break-points. Quando perdia por 4/3, o italiano iniciou uma sequência de dez pontos seguidos, virou para 5/4 e teve a chance de definir o jogo no saque. Ele fez menos winners que o rival, 16 contra 19, mas cometeu paenas 8 erros contra 18.

Leia mais:

De Minaur supera Dimitrov e decide em Roterdã

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Emerson
Emerson
1 mês atrás

Vai ser transmitido por algum canal essa final ?

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás

Djokovic treme…

Alexandre Monteiro
Alexandre Monteiro
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Dizem às más línguas, que até hoje Roger Federer tem um colapso nervoso quando dá 15:40 da tarde kkk, não sei se é verdade, mas…

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

Por que você fugiu da publicação em que o Nadal disse que os números mostram que Djokovic é o maior?

Osvaldo
Osvaldo
1 mês atrás

o verdadeiro #1

Willian Rodrigues
Willian Rodrigues
1 mês atrás
Responder para  Osvaldo

De fato, NESSE MOMENTO, Janik Sinner é o melhor jogador em atividade… Está merecendo o nº 1, mas terá que trabalhar duro por algum tempo ainda e contar com a continuidade dessa má fase de ambos, Alcaraz e Djokovic.

Última edição 1 mês atrás by Willian Rodrigues

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE