PLACAR

Sinner avança com desistência de Raonic e marca a vitória nº 200

Foto: Alyssa van Heyst/ABN AMRO Open

Roterdã (Holanda) – Principal nome na disputa do ATP 500 de Roterdã, Jannik Sinner confirmou seu lugar na semifinal do torneio holandês em quadras duras e cobertas. O atual número 4 do mundo estava vencendo o canadense Milos Raonic por 7/6 (7-4) e 1/1 quando o rival abandonou a disputa, após 1h05 de partida. Raonic chegou a receber tratamento do fisioterapeuta para um aparente desconforto no quadril ainda durante o primeiro set.

Aos 22 anos, Sinner consegue sua vitória de número 200 da carreira em competições de ATP. Além disso, o atual campeão do Australian Open segue invicto na atual temporada, com 10 vitórias. Sua série invicta já chega a 13 jogos, porque ele também venceu outras três partidas na campanha do título da Itália na Copa Davis no fim do ano passado.

Vencedor de 11 torneios no circuito, Sinner pode alcançar sua 16ª final na carreira e a segunda em Roterdã, onde foi vice no ano passado. Seu adversário na semifinal deste sábado às 15h30 (de Brasília) será o holandês Tallon Griekspoor, 29º do ranking, que venceu o finlandês Emil Ruusuvuori por 7/5 e 7/6 (7-4). O italiano venceu os dois duelos anteriores contra Griekspoor, ambos na última temporada. O holandês de 27 anos tem dois títulos e um vice na ATP.

O primeiro set da partida entre Sinner e Raonic foi bastante equilibrado, com uma quebra para cada jogador ainda no início da partida. O italiano chegou a salvar dois set-points no saque, quando encarou um 15-40 no 5/4. Já no tiebreak, foi preciso nos pontos jogados em seu saque e venceu apenas um na devolução para abrir vantagem. Ao fim do set, Raonic tinha o dobro de winners, 16 a 8, mas também tinha 17 a 10 em erros. O segundo set teve apenas dois games e o canadense, já com nítida limitação nos movimentos, decidiu abandonar. Nas estatísticas, fez 19 a 11 nos winners, mas cometeu 18 erros contra 11 do italiano.

A primeira semifinal de Roterdã está marcada para às 11h (de Brasília) deste sábado e terá o búlgaro Grigor Dimitrov e o australiano Alex de Minaur. O histórico de confrontos entre eles está empatado por 2 a 2.

Leia mais:

De Minaur supera Rublev e enfrenta Dimitrov na semi

3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Zeca
Zeca
1 mês atrás

Não sei o porquê esse Raonic não aposenta… aliás desistência tem sido um ritual qdo ele consegue avançar nos torneios

Ricardo
Ricardo
1 mês atrás
Responder para  Zeca

Penso o mesmo. Possivelmente deve insistir pelos contatos em vigência. O caso do canadense é excessivamente claro: o corpo não aguenta mais a intensidade exigida nesse nível. E a saúde é o nosso maior bem.

David Almeida
David Almeida
1 mês atrás

Raonic jogou bem, mas depois de perder o tie-break do 1° set viu que não tinha mais chance na partida pois Sinner estava jogando muito sólido em seu jogo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE