PLACAR

Shelton acaba com sequência de Sinner e faz quartas

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Xangai (China) – Vindo de sete vitórias seguidas e da conquista do ATP 500 de Pequim, o italiano Jannik Sinner não conseguiu passar das oitavas de final no Master 1000 de Pequim e parou diante de um inspirado Ben Shelton, que um dia após comemorar seu 21º aniversário, se deu um grande presente, batendo o cabeça de chave 4 na competição de virada, com parciais de 2/6, 6/3 e 7/6 (7-5), em 2h30 de jogo.

Semifinalista no US Open, onde só perdeu para o sérvio Novak Djokovic, que depois sagrou-se campeão do torneio, Shelton garantiu pela primeira vez vaga nas quartas de um Masters. Seu próximo adversário na competição será o compatriota Sebastian Korda, que mais cedo deixou pelo caminho o argentino Francisco Cerúndolo, marcando parciais de 7/5 e 7/6 (8-6), depois de 1h38.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Os dois norte-americanos se enfrentarão pela primeira vez no circuito, garantindo ao menos um representante do país nas semifinais. O vencedor da partida terá pela frente quem passar do duelo entre o húngaro Fabian Marozsan e o vencedor da última partida desta terça-feira, entre o polonês Hubert Hurkacz e o chinês Zhizhen Zhang.

Aproveitando o grande momento no circuito, Sinner começou melhor, anotou quebra logo no primeiro game e abriu 2/0 de cara. Sem dar chances a Shelton, ele administrou a vantagem até o final do primeiro set, não cedeu um break-point sequer ao rival, e ainda conseguiu ampliar o placar com nova quebra no sétimo game, sacando em seguida para fazer 6/2 e assim fechar o set inicial.

Na segunda parcial, foi o norte-americano que teve o controle das ações e não permitiu uma oportunidade sequer de quebra para Sinner, que perdeu o serviço de zero no quarto game e depois teve que salvar um break-point no sexto para não ver Shelton desgarrar no placar. Só que o italiano não conseguiu devolver a quebra e o jogo ficou empatado, levando a decisão para o terceiro set.

Shelton começou pressionando e teve cinco break-points logo no primeiro game do set decisivo, mas não conseguiu converter um sequer. Depois disso, Sinner salvou mais um break-point no sétimo e dois no nono, desperdiçando também duas chances no oitavo. Sem quebras, veio o tiebacks, que foi marcado por oscilações, começando com 4-0 para o norte-americano, que então perdeu cinco pontos seguidos, mas saiu do 4-5 para fazer 7-5 e vencer o jogo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE