PLACAR

Rei Sakamoto é o 2º juvenil japonês campeão de Slam

Rei Sakamoto (Foto: Tennis Australia)

Melbourne (Austrália) – O japonês Rei Sakamoto conseguiu um título inédito para seu país a vencer o torneio juvenil do Australian Open. Ele venceu na final o tcheco Jan Kumstat por 3/6, 7/6 (7-2) e 7/5 em 2h11 de partida neste sábado.

Sakamoto é apenas o segundo japonês a vencer um torneio juvenil de Grand Slam, repetindo o feito de Shintaro Mochizuki, campeão na grama de Wimbledon em 2019. O jogador de 17 anos e número 7 do ranking iniciou a temporada com 12 vitórias seguidas, já que foi campeão em Traralgon na semana passada.

Ano passado, o japonês foi eliminado pelo brasileiro João Fonseca na terceira rodada em Melbourne. Ele também jogou contra Fonseca no Banana Bowl, em Criciúma. Sakamoto disputou uma série de ITFs nos Estados Unidos, com direito a uma semifinal ainda em 2022 e recebeu convites para uma série de challengers no seu país.

“Estou muito feliz por vencer este torneio. Quando peguei uma raquete pela primeira vez, senti que nasci para jogar tênis”, disse Sakamoto, que começou a jogar tênis aos seis anos. “Naomi Osaka, Kei Nishikori me inspiraram muito, eles me deixaram sonhar grande”, acrescentou o japonês, que teve a oportunidade de treinar com Nishikori e, assim como o ex-top 5, também recebeu o financiamento do Masaaki Morita Tennis Fund para seu desenvolvimento na IMG Academy.

Já o vice-campeão Jan Kumstat, 42º do ranking, havia eliminado três cabeças de chave no caminho até a final. Na história, apenas cinco jogadores tchecos foram campeões juvenis de Slam entre os meninos, com Jiri Vesely em 2011 sendo o único vencedor em Melbourne.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Depois de um primeiro set com apenas uma quebra, conquistada pelo tcheco ainda no início do jogo, e com 10 aces para Kumstat até então, Sakamoto cuidou muito bem do saque na segunda parcial. O set foi inteiramente sem quebras ou break-points e o japonês venceu o tiebreak com três boas devoluções.

Já no terceiro set, apesar de o tcheco continuar fazendo muitos aces, terminando a partida com 25 no total, Sakamoto passou a pressionar o saque do adversário com maior frequência. Ele criou nove break-points em quatro games distintos da parcial. Depois de ter confirmando o serviço quando perdia por 5/4, sobrevivendo na partida, o japonês conseguiu a quebra para chegar à vitória.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo A.
1 mês atrás

O nome correto do torneio juvenil anterior ao AusOpen é Traralgon!

Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.
Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Quando os tenistas se machucam, mas ainda vencem

ATP seleciona as 10 melhores jogadas do ATP FInals