PLACAR

Quartas na Transilvânia terão duas jogadoras romenas

Ana Bogdan (Foto: Transylvania Open)

Cluj-Napoca (Romênia) – Em rodada com três romenas em quadra, Ana Bogdan e Elena Ruse garantiram vagas nas quartas de final do Aberto da Transilvânia, torneio WTA 250 disputado em quadras duras e cobertas em Cluj-Napoca. E o número de atletas da casa na próxima fase só não é maior porque Jaqueline Cristian sofreu uma virada nesta quinta-feira.

Bogdan ficou em quadra por 3h12 e venceu um jogo duríssimo contra a convidada tcheca de 17 anos Nikola Bartunkova por 4/6, 7/6 (7-5) e 7/5. A experiente romena de 30 anos é a atual 73ª do ranking e quinta cabeça de chave do torneio. Ela enfrenta nas quartas a espanhola Rebeka Masarova.

Já a vitória de Elena Ruse veio com mais tranquilidade. Convidada para o torneio e 188ª colocada, a romena passou pela húngara Anna Bondar por 7/6 (7-4) e 6/2. Sua próxima adversária será a colombiana Emiliana Arango, que bateu a suíça Jil Teichmann por duplo 6/3.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Ainda nesta quinta-feira, Jaqueline Cristian esteve muito perto da vitória e chegou a ter um match-point contra a alemã Eva Lys, 133ª do ranking, mas permitiu a virada contra a jovem rival de 21 anos, com parciais de 2/6, 7/5 e 6/2 em 2h38 de partida, que terminou por volta de 0h30 pelo horário local. Lys agora enfrenta a russa Ekaterina Makarova.

“Não sei por quanto tempo eu joguei, mas pareciam cinco horas. Foi uma partida muito intensa. Mesmo perdendo o 1º set, senti que estava jogando bem, mas que a Jaqueline estava ainda melhor. Então, meu objetivo era não parar de lutar”, disse Lys, que já havia derrotado a principal favorita Sorana Cirstea na estreia. “Nem lembro o que aconteceu no match-point, eu só estava muito focada e fico feliz por ter vencido hoje. Só tenho a agradecer a todos que ficaram até o final da partida”.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE