PLACAR

Oito brasileiros entram no challenger de Campinas

Matheus Pucinelli (Foto: João Pires/Fotojump)

Campinas (SP) – O tênis brasileiro já garantiu oito participantes na 13ª edição do Campeonato Internacional de Tênis, evento mais longevo e tradicional do país, que larga neste domingo nas quadras de saibro da Sociedade Hípica de Campinas. Com premiação recorde de US$ 130 mil (R$ 655 mil na cotação atual), o evento dá 100 pontos ao campeão e vai até o dia 8 de outubro. O Santander é o patrocinador oficial da competição.

O local Felipe Meligeni Alves, 142º do ranking, será o cabeça de chave número 7 e aguarda um qualificado, enquanto Thiago Monteiro, finalista de 2021, terá interessante duelo contra Gustavo Heide, que decide neste domingo o challenger de Bogotá. O também campineiro Matheus Pucinelli, 342º do ranking, começa diante do italiano Luciano Darderi, 169º. João Lucas Reis terá pela frente o atual campeão em Campinas, o britânico Jan Choinski, 128º do mundo.

Se o carioca João Fonseca desistiu por conta de lesão, o gaúcho Eduardo Ribeiro e os paulistas Nicolas Zanellato e Enzo Lima prometem fazer jus aos convites recebidos. Natural de Hípica, Lima, de 20 anos, faz sua estreia em Challengers contra o argentino Santiago Taverna, enquanto Zanellato desafiará o argentino Roman Burruchaga e o gaúcho Eduardo Ribeiro cruza com o experiente boliviano Hugo Dellien, cabeça 6 e 136º do ranking.

Atual 83º do ranking, o argentino Federico Coria foi designado o principal cabeça de chave e aguarda um adversário vindo do quali. Na outra ponta, o compatriota Juan Manuel Cerundolo, 88º, começa diante do boliviano Merkel Dellien.

Quali abre o torneio
O ATP Challenger de Campinas tem início neste domingo com a disputa do qualificatório. São 24 jogadores em busca de duas vitórias para ingressar à chave principal. Entre os 24 postulantes, nada menos que 19 são brasileiros, o que dá boa chance de novos nomes subirem ao torneio principal. Entre eles, estão o paulistano Daniel Dutra da Silva, o catarinense Pedro Boscardin, o gaúcho Orlando Luz, o brasiliense Gilbert Klier, o carioca Wilson Leite, os paulistas Pedro Sakamoto e Mateus Alves e o pernambucano José Pereira. A rodada do quali começa às 10 horas.

A 13ª edição do Campeonato Internacional de Tênis é apresentado pelo Santander, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, e conta com o copatrocínio de EMS Farmacêutica, Esfera, Hospital Vera Cruz, Comgás, Lenovo, Atlas Schindler, Alupar, Taesa, BYD Dahruj, Azul Linhas Aéreas – Transportadora Oficial, Trinity, EY, Inni Sports – Bola e Roupa Oficial, Stella Artois Pure Gold, Grupo Placar – Grama Sintética, Aberje, Eletromidia, ESPN e STAR+.

O ATP Challenger de Campinas também reúne o apoio do Sociedade Hípica de Campinas, sede da competição, e integra o calendário mundial ATP Challenger Tour 100. A realização é do Instituto Sports.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE