PLACAR

Matos supera Melo nas duplas, Ram e Salisbury caem na estreia

Rafael Matos e Nicolas Barrientos (Foto: Fotojump)

Rio de Janeiro (RJ) – No duelo entre dois brasileiros na chave de duplas do Rio Open, Rafael Matos levou a melhor sobre Marcelo Melo e será o primeiro representante nacional nas quartas de final do ATP 500 disputado no Jockey Club Brasileiro. Matos e o colombiano Nicolas Barrientos venceram Melo e o holandês Matwe Middelkoop por 3/6, 6/4 e 10-6 em 1h43 de partida.

Gaúcho de 28 anos, Rafael Matos faz sua quarta participação na chave de duplas do Rio Open e chega pela segunda vez às quartas, repetindo a campanha de 2020. O atual 58º do ranking tenta chegar à semifinal do torneio pela primeira vez, além de ser uma das esperanças de inédito título para o tênis brasileiro em dez anos de competição.

“Infelizmente um jogo de dois brasileiros já na primeira rodada. Uma pena, as duplas são fortes e poderiam ter ido longe”, disse Matos. “No primeiro set eles sacaram muito bem e não conseguimos entrar nos pontos como entramos no resto do jogo. Depois pegamos taticamente e tecnicamente também. Começamos bem desde o início do match-tiebreak, que nos deixou mais soltos”.

Matos e Barrientos vinham de uma boa campanha até a semifinal do ATP 250 de Buenos Aires. Eles enfrentam nas quartas os alemães Kevin Krawietz e Tim Puetz, cabeças de chave 4, algozes de João Fonseca e Marcelo Zormann na última segunda-feira. Já o veterano Marcelo Melo, dono de 37 títulos no circuito, foi duas vezes finalista do Rio Open, na primeira edição, em 2014, além de 2023. O mineiro de 41 anos e ex-número 1 de duplas ocupa hoje o 49º lugar. Ele e Middelkoop também foram semifinalistas na semana passada.

Sobre os próximos rivais, o gaúcho avaliou: “Os dois gostam muito do saibro, já os enfrentei, não são nada fora do que costumamos enfrentar. Será mais quem estiver melhor no dia e será quem jogar melhor e encaixar a melhor tática”, completou.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

O duelo entre brasileiros nas duplas teve grande público na quadra 1 do Jockey e começou com ampla vantagem para Melo e Middelkoop. Eles conseguiram uma quebra cedo, saíram vencendo por 3/0 e não enfrentaram break-points no primeiro set. Já na segunda parcial, Matos e Barrientos abriram 4/1, cederam o empate no oitavo game, mas voltaram a quebrar no último game da parcial. O gaúcho e seu parceiro colombiano foram mais eficientes nas devoluções e fecharam o jogo.

Principais favoritos são eliminados, italianos repetem placar de Buenos Aires
A forte parceria do norte-americano Rajeev Ram com o britânico Joe Salisbury, tricampeões do US Open, foi eliminada na estreia do Rio Open. Os principais cabeças de chave perderam para o britânico Julian Cash e o norte-americano Robert Galloway, vindos de título em Delray Beach na última segunda-feira, por 6/7 (4-7), 6/4 e 10-8. Cash e Galloway enfrentam os franceses Sadio Doumbia e Fabien Reboul.

Já na reedição da final do ATP de Buenos Aires, os italianos Simone Bolelli e Andrea Vavassori venceram o espanhol Marcel Granollers e o argentino Horacio Zeballos, cabeças 2, por 6/4, 3/6 e 10-7. Foi a segunda vitória de Bolelli e Vavassori sobre Granollers e Zeballos. A dupla italiana enfrenta nas quartas o espanhol Roberto Carballes Baena e o sérvio Dusan Lajovic.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
André Borges
André Borges
1 mês atrás

Mais um jogo da galera da praia/cheque.

Márcio
Márcio
1 mês atrás

Bom jogo e sempre decidido nos detalhes! Boa sorte nas próximas partidas, Rafael!!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE