PLACAR

Matos derruba forte dupla alemã e faz semi no Rio Open

Foto: Fotojump

Felipe Priante

Rio de Janeiro (RJ) – O bom momento do tênis brasileiro no Rio Open segue na chave de duplas com o gaúcho Rafael Matos garantindo vaga nas semifinais do torneio. Ele e o colombiano Nicolas Barrientos derrotaram de virada a forte dupla alemã Kevin Krawietz e Tim Puetz, cabeças de chave 4, com parciais de 3/6, 7/6 (7-5) e 10-8, após 1h55 de partida.

“Estamos muito felizes, foi uma grande vitória. Mais um jogo que a gente saiu atrás, 0/3 (no primeiro set) por erros nossos, é uma coisa que tem acontecido bastante, mas que estamos tentando melhorar. O lado bom é que estamos conseguindo dar a volta. Um jogo decidido no detalhe, com 10-8 no match-tiebreak, contra uma dupla super experiente, das melhores do circuito”, analisou Matos.

Nas semifinais, Matos e Barrientos terão pela frente quem passar do confronto que de um lado terá os italianos Andrea Vavassori e Simone Bolelli e do outro o espanhol Roberto Carballes e o sérvio Dusan Lajovic.

Depois de perder os três primeiros games do jogo e assim o primeiro set, o brasileiro e o colombiano equilibraram o jogo e não sofreram mais quebras. Na segunda parcial, nenhuma das duplas teve chance de quebra e a definição foi para o tiebreak, que acabou nas mãos de Matos e Barrientos. No match-tiebreak para definir o jogo, eles abriram 7-3, viram os rivais se recuperarem, mas ficaram com a vitória.

“Foi uma escolha errada e uma boa devolução, mas é isso. Tivemos a cabeça no lugar na hora e conseguimos no finalzinho o que estava faltando. O super (tiebreak) traz essa tensão sim, são 10 pontos que definem uma partida e claro que deixa mais tenso. Fico muito feliz com o resultado de todo mundo, acho que o tênis brasileiro vem em uma ascensão boa e essa ano é dos brasileiros”, comentou Matos.

O gaúcho também destacou o bom entrosamento com Barrientos. “Acho que em questão de jogo, desde a semana passada em Buenos Aires a gente conseguiu encaixar e achar nosso melhor tênis junto. Mesmo o jogo que perdemos lá foi mérito deles, que acabaram ganhando o torneio. No entrosamento nós estamos muito bem, é uma questão de atenção no começo dos jogos”, finalizou.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Márcio
Márcio
1 mês atrás

Vitória no detalhe é sinônimo de duplas.! Excelente partida dos sul americanos!!!

Jorge Luiz
1 mês atrás

Sensacional

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
1 mês atrás

PArabéns a dupla…está dando liga … gostei muito

Crésio Santana Pimenta
Crésio Santana Pimenta
1 mês atrás

Os cara carcaram chumbo nos Alemães ganhadores de Slans.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE