PLACAR

Jovem francês escolhe ex-técnico de Sinner para crescer

Gabriel Debru (Foto: Loic Wacziak/FFT)

Paris (França) – Enquanto vive um início de temporada complicado em termos de resultados, com três derrotas em estreias nos challengers que disputou em janeiro, o francês Gabriel Debru, de apenas 18 anos, decidiu há alguns dias trabalhar com o italiano Riccardo Piatti, ex-treinador de Jannik Sinner, pensando em crescer no circuito.

Campeão juvenil de Roland Garros em 2022, Debru ocupa atualmente apenas a 326ª colocação no ranking, mas sonha em seguir os passos de Sinner. “Quando você sabe que o técnico que vai te treinar trabalhou com ótimos jogadores, você quer dar ainda mais o melhor de si”, afirmou o jovem francês em entrevista ao Eurosport.

“Eu realmente não tenho o mesmo estilo de jogo do Sinner, mas sim, ele é um exemplo! É alguém que acaba de ganhar um Grand Slam contra os melhores do mundo na chave, por isso é uma fonte de inspiração. E isso me dá vontade de começar com Riccardo e continuar progredindo”, disse Debru, que em novembro passado se separou do ex-técnico Boris Vallejo.

Apesar de alguns poucos dias de trabalho com Piatti, o francês já tem uma ideia de como será pela frente. “Riccardo é muito focado na técnica, é alguém que tem uma capacidade excepcional de encontrar os pequenos erros e imperfeições que existem no seu jogo, o que precisa ser mudado em termos de posição”, comentou.

“Quando vemos Sinner jogar, vemos ele cometer pouquíssimos erros de posicionamento, seu corpo sistematicamente segue o caminho certo. E é algo em que ele trabalhou ao longo de seu desenvolvimento”, acrescentou Debru, que espera se tornar um jogador completo e assim brilhar também no circuito profissional.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE