PLACAR

Jabeur larga bem em Roland Garros e conquista firme vitória

Foto: Jimmie48/WTA

Paris (França) – Aproveitando o novo teto da quadra Suzanne Lenglen, em uma segunda-feira chuvosa, a tunisiana Ons Jabeur iniciou sua campanha em Roland Garros com uma sólida vitória por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, sobre a convidada norte-americana Sachia Vickery, em 1h21 de confronto. Ela espera agora pela vencedora do duelo entre a ucraniana Anhelina Kalinina e a colombiana Camila Osorio.

Três vezes finalista de Grand Slam, Jabeur chega a Paris tentando encontrar sua melhor forma após uma primeira metade da temporada marcada por lesões, especialmente um problema de longo prazo no joelho, que afetou seu desempenho. A vitória desta segunda-feira foi apenas a sétima da tunisiana em 2024, contra nove derrotas. Uma campanha rumo às quartas de final em Madrid mostrou uma luz no fim do túnel, mas em Roma ela caiu na estreia.

Superada por Vickery em seu único encontro anterior, na primeira rodada do WTA 125 de Chicago, em 2018, a tunisiana mostrou consistência, venceu 70% dos pontos com o saque, foi quebrada apenas uma vez e conseguiu converter quatro dos 14 break-points que teve a seu favor. Ela também terminou o jogo com mais que o triplo de bolas vencedoras (30 a 8) e mais que o dobro de erros não forçados (28 a 13) que a norte-americana.

Cabeça de chave número 8, a tenista de 29 anos foi quadrifinalista no ano passado e também chegou às oitavas em 2020 e 2021. Atual nona colocada no ranking, ela está perdendo provisoriamente uma posição na WTA e pode sair do top 10, uma vez que a letã Jelena Ostapenko e a norte-americana Madison Keys estão perto, com pontuação próxima a de Jabeur.

Três jogadoras escapam da chuva

Com pouco mais de uma hora e meia de rodada, a chuva voltou a dar as caras em Paris e os jogos das quadras sem teto retrátil foram paralisados. Porém, as russas Anastasia Potapova e Liudmila Samsonova, e a tcheca Marketa Vondrousova conseguiram escapar do mau tempo com vitórias rápidas por 2 sets a 0.

Samsonova foi a mais rápida das três e gastou apenas 69 minutos para despachar a polonesa Magda Linette com duplo 6/1. Na segunda rodada, ela terá pela frente a norte-americana Amanda Anisimova, que estreou na competição no domingo batendo a quali eslovaca Rebecca Sramkova.

A também russa Potapova derrotou a compatriota Kamilla Rakhimova em 71 minutos, marcando placar final de 6/2 e 6/3. Sua próxima adversária também será uma tenista que já havia vencido no dia anterior, a suíça Viktorija Golubic, algoz da tcheca Barbora Krejcikova, campeã de Roland Garros em 2021.

Completando a lista das vitórias rápidas, Vondrousova gastou 1h16 para eliminar a espanhola Rebeka Masarova, com 6/1 e 6/3. A atual campeã de Wimbledon em vice em Paris cinco anos atrás terá pela frente a norte-americana Katie Volynets, de 22 anos e atual 108 do mundo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE