PLACAR

“Foi difícil entrar em ritmo”, analisa Alcaraz

Foto: Peter Power/NBOtoronto.

Toronto (Canadá) – Em seu primeiro torneio na temporada norte-americana de quadras duras, o espanhol Carlos Alcaraz derrotou o norte-americano Ben Shelton em sets diretos, superando a estreia no Masters 1000 de Toronto com parciais de 6/3 e 7/6 (7-3), em 1h38 de confronto. Ele aprovou o desempenho, mas acredita que precise evoluir se quiser ir mais longe.

“Foi difícil entrar em ritmo, Shelton bate muito forte na bola e não consegui encontrar meu jogo e meu ritmo. Acho melhor começar no torneio com boas trocas longas para entrar no jogo com esses ralis. Mas cada jogo é uma guerra diferente e você tem que adaptar. Estou feliz por seguir em frente e ter outra chance de continuar melhorando na próxima rodada”, disse Alcaraz.

Disputando pela primeira vez o Masters 1000 canadense, o espanhol comentou sobre a novidade. “Está sendo muito bom, gostei muito do meu primeiro jogo em Toronto e parece que vou jogar aqui por muitos anos. Eu realmente gostei, foi uma loucura, então espero que continue assim”, disse o tenista de apenas 20 anos, que apesar da pouca idade já é referência para os mais novos.

“Sempre tento fazer com que gostem de assistir tênis. Fico muito feliz em saber que muitas pessoas gostam de tênis graças a mim. É uma loucura, tenho 20 anos e não esperava atrair as pessoas para o tênis. É algo que busco em cada torneio, em cada partida, que o maior número possível de pessoas se apaixone pelo tênis, e acho que meu tênis é atrativo”, observou Alcaraz.

Ele também falou sobre o adversário e elogiou bastante Shelton: “Ele é um grande jogador, bate na bola com muita força, nunca joguei contra alguém que bate tão forte quanto ele. Fez alguns saques a 235 km/h e quase quebrou minha corda. É fantástico, acho que Shelton vai ficar de pé por muito tempo, tenho certeza, e acho que vamos jogar muitos jogos. Ele é muito duro, muito agressivo, não me deixava fazer meu jogo na rede e fazia isso quase o tempo todo, então foi bom”.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE