PLACAR

Djokovic vê rivais cada vez mais perto na briga pelo nº 1

Foto: Tennis Australia

Londres (Inglaterra) – A derrota de Novak Djokovic nas semifinais do Australian Open, onde defendia o título, fez o sérvio perder a folgada distância que tinha para seus rivais e deixou ainda mais interessante a disputa pelo número 1 da ATP nos próximos meses. Além da queda de ‘Nole’, o russo Daniil Medvedev e o italiano Jannik Sinner somaram muitos pontos em Melbourne e estão na disputa.

Djokovic segue firme na liderança, porém agora com 1.600 pontos a menos em relação ao espanhol Carlos Alcaraz, que vem na segunda colocação. A distância entre os dois é de 600 pontos. Vice-campeão na Austrália, Medvedev se aproximou bastante dos dois primeiros e está apenas 490 pontos atrás do jovem espanhol.

Campeão do Australian Open, levantando seu primeiro título de Grand Slam, Sinner foi o que deu o maior salto. Embora tenha se mantido na quarta colocação, ele ficou mais de 3 mil pontos mais próximo de Djokovic. O italiano está 1.545 pontos atrás do sérvio, 945 atrás de Alcaraz e 455 atrás de Medvedev.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Os quatro abriram uma grande diferença para os demais, tanto que o russo Andrey Rublev fecha o top 5 com uma distância de 3.260 pontos para Sinner. O alemão Alexander Zverev vem logo atrás, com apenas 20 pontos a menos que o quinto colocado na ATP.

Vice-campeão no ano passado, o grego Stefanos Tsitsipas não passou das oitavas em 2024 e quase deixou o top 10, se segurando exatamente na 10ª colocação, sendo ultrapassado pelo dinamarquês Holger Rune (7º), pelo polonês Hubert Hurkacz (8º) e pelo norte-americano Taylor Fritz (9º).

Veja como está o top 10 da ATP:

1- Novak Djokovic (SER) – 9.855 pontos
2- Carlos Alcaraz (ESP) – 9.255
3- Daniil Medvedev – 8.765
4- Jannik Sinner (ITA) – 8.310
5- Andrey Rublev – 5.050
6- Alexander Zverev (ALE) – 5.030
7- Holger Rune (DIN) – 3.685 [+1]
8- Hubert Hurkacz (POL) – 3.540 [+1]
9- Taylor Fritz (EUA) – 3.195 [+3]
10- Stefanos Tsitsipas (GRE) – 3.025 [-3]

37 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Samuel
Samuel
29 dias atrás

Até Roland Garros Djoko na ponta, 418 semanas, o dobro de Nadal.

Fabio
Fabio
29 dias atrás
Responder para  Samuel

E o que interessa ser o dobro do Nadal? Foco no feito do Djoko, isso sim é interessante e deixa de ser recalcado.

Luiz Fabriciano
Luiz Fabriciano
29 dias atrás
Responder para  Fabio

Uai, e o recalcado é ele?

Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
29 dias atrás
Responder para  Fabio

Interessa porque na discussão do GOAT os SLAMS não podem ser o único critério.

José Cardoso Jr
José Cardoso Jr
28 dias atrás
Responder para  Fabio

Importa tudo! Diferença gritante de desempenho.

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
29 dias atrás

O Djoko está resistindo bravamente. Corria o risco de perder o nº 1, Conseguiu chegar na semifinal do AO 2024, e se manteve no topo porque o Alcaraz perdeu nas quartas de final. O risco será permanente. Todo mundo quer ser o nº 1 do ranking e o Alcaraz, Medvedev e Sinner estão mostrando que têm condições tomar o lugar do Djoko. Então, a luta será contínua e acredito que com menos pressão do que no ano de 2023.

Flávio
Flávio
28 dias atrás

Já cansei de dizer pra ele ser número 1 não é mais importante nesse momento, sim ganhar mais um slam pra chegar a 25 e aí sim ser o soberano em slam e poder fechar a carreira vitoriosa totalmente consagrado, então esse ano a meta do Djokovic é ganhar pelo menos 1 slam aí fecha a carreira superando Margarete Court que tem 24 slam.

Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
29 dias atrás

Djoko ter saído da Austrália na ponta do ranking foi um lucro e tanto. Defendia 2.000 pontos e os rivais muito pouco. Alcaraz, por exemplo, não defendia nada, porque não foi ao torneio em 2023. Ao mesmo tempo, Sinner e Medvedev não tinham ido às fases agudas em Melbourne ano passado. Na real, a perspectiva é abrir vantagem na ponta nos próximos meses, especialmente em Indian Wells e Miami. Eventual perda da liderança no primeiro semestre só mesmo se houver uma queda abrupta de rendimento por parte do sérvio. Em condições normais, tem muito a somar e os rivais a defender.

Sérgio Ribeiro
Sérgio Ribeiro
29 dias atrás
Responder para  Alessandro Siqueira

Djokovic não vai defender os 180 pontos da Semi de Dubai. Alcaraz pode vencer o Rio Open e ir no ATP 500 de Acapulco. Não é assim tão fácil. Abs !

Alexandre Monteiro
Alexandre Monteiro
28 dias atrás
Responder para  Sérgio Ribeiro

Alcaraz defende duas finais de saibro 250 (Buenos Aires) e 500 (rio open), e não acho que ele tenha cabeça pra defender tudo isso, depois do tombo que levou do russo kkk

Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
28 dias atrás
Responder para  Alexandre Monteiro

E depois disso tem título em Indian Wells, semi em Miami e título em Madri. Na real, um caminhão de pontos a defender.

Leonardo
Leonardo
29 dias atrás

Bom, apesar de os adversarios estarem mais perto, Djokovic não tem muito ponto a defender até RG. Alcaraz e Medvedev tem muitos pontos a defender, pelo menos 1 M1000 e alguns 500 cada um. Sinner tem menos a defender até RG que Alcaraz e Medvedev, mas tem mas que Djokovic. Então, a possibilidade do Cotonete manter o n.1 até junho é grande.

Gisele Matias
Gisele Matias
29 dias atrás

Logo logo ele aposenta e a briga vai ser boa

Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
29 dias atrás
Responder para  Gisele Matias

Nos últimos 5 slams, ganhou 3. No que foi “mal”, perdeu a semifinal para o virtual campeão. Se tá ruim pra ele, o que seria bom? Tá parecendo um certo cantor de pagode que andou desfazendo do corpo da Yasmin Brunet.

Ideon Carvalho
Ideon Carvalho
29 dias atrás

Esse título do AO seria do Zverev se ele não perdesse para o russo Medvedev, visto que o Sinner não ganha do Zverev, ou seja, o jogo do Janiik Sinner não casa com o do Alexander Zverev. O retrospecto do Sinner contra o Zverev é negativo. Só 1 vitória e 4 derrotas. Mas o Sinner fez por merecer ganhar esse título muito importante do circuito. e, principalmente para a carreira dele. Parabéns o jovem italiano pelo grande triunfo.

Última edição 29 dias atrás by Ideon Carvalho
LuizStipp92
LuizStipp92
29 dias atrás

Tsitsipas só ladeira abaixo. Enquanto continuar com aquele backhand ridículo, vai continuar caindo no ranking.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
29 dias atrás

Cada semaninha a mais corrobora o monstro que esse cara é. Esse recorde só será quebrado daqui a 4325675 anos.

Nei Costa
Nei Costa
29 dias atrás

E Djoko continua fazendo história. Pela primeira vez a diferença de semanas na liderança do ranking entre o recordista e o segundo colocado e centenária. Avante Noleeeeeee!!!!!!!!!!

Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
29 dias atrás
Responder para  Nei Costa

Praticamente dois anos mais, e contando. E há quem diga que está ruim.

Lee
Lee
29 dias atrás

Em Roland Garros os únicos que podem tirar o título do Djokovic é o Nadal ou o Alcaraz, acho que o Sinner ou Medvedev não são ameaças no saibro. Talvez o Zeverev também possa ter alguma chance mas ele costuma vacilar quando chega nas finais.

André Aguiar
André Aguiar
29 dias atrás
Responder para  Lee

Ruud? Tsitsipas? Rune?

Lee
Lee
29 dias atrás
Responder para  André Aguiar

Desses três o único que tem alguma chance é Ruud pois chegou na final nos últimos 2 anos. Tsitsipas pelo quem vem jogando ultimamente acho que chega no máximo nas quartas dependendo da chave que cair.

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
29 dias atrás

Este ano promete. Esses quatro vão disputar ponto a ponto. Pelo menos parece.

Silvio
Silvio
29 dias atrás

A arrogância de Djokovic impede que ele exalte a vitória de Sinner.
Diz apenas que jogou a pior partida.
Nunca será um ídolo.

Luiz Fabriciano
Luiz Fabriciano
29 dias atrás
Responder para  Silvio

Mais um que não leu o texto de Tenisbrasil, tampouco a fala do próprio Jannik sobre sua visão a respeito do sérvio.

Silvio
Silvio
29 dias atrás

Djokovic é incapaz de exaltar a vitória de Sinner.
Prefere dizer que jogou a pior partida.
Muito arrogante.

tuga
tuga
28 dias atrás
Responder para  Silvio

Não foi nada disso que ele disse! Vai ouvir melhor as declarações! Ou querias que ele se pusesse aos saltos pela vitória do adversário? Deu-lhe os parabéns, disse que era um merecido vencedor e é quanto basta.

Lee
Lee
29 dias atrás

Djokovic já está com quase 37 anos e ele cometeu um erro jogar a final da copa Davis isso o prejudicou muito. Desde a primeira rodada do Australian Open ele já vinha demonstrando que não estava bem nem se compara ao nível que ele estava no ano passado . Hoje o Sinner se encontra na mesma situação de quando o Federer enfrentava o Agassi e o Sampras no fim de suas carreiras. Esse ano Djokovic vai pular vários torneios e se dedicar a ganhar mais 1 Slam e as olimpiadas também , ele não está mais preocupado em manter o número 1.

Caio
Caio
29 dias atrás
Responder para  Lee

Além de um erro deu confiança ao sinner pq o djokovic não levou aquele jogo a sério

Viktor
Viktor
29 dias atrás

Monstro contra Nadal e Federer. Anão contra os Garotos. Desde o início da Dinastia Federer há 21 anos (ou 104 torneios) apenas em 16 o ganhador não era do Big3. 3x Murray (que sempre ganhou com mais de 2 em quadra). 3x Wawrinka (que sempre ganhou com mais de 2 em quadra). 1x Del Potro (com mais de 2). E 1x Cilic (com mais de 2). As exceções Thiem (que ganhou contra Djokovic), Sinner (que ganhou contra Djokovic), Medvedev (que ganhou contra Djokovic), Alcaraz 2x (uma contra 2 e a outra contra Djokovic), 1x Gaudio (contra Federer), 1x Roddick (contra Federer) e 1x Safin (contra Federer). NADAL QUANDO JOGOU SEM UM BIG3, SEMPRE GANHOU!!! Diferenca de um jogador de xadrez e um atleta. 4x Djokovic vacilou, 3x Federer e 0 Nadal.

jeferson
jeferson
29 dias atrás
Responder para  Viktor

volta pra terra

Paulo Almeida
Paulo Almeida
29 dias atrás
Responder para  Viktor

Anão que tem retrospecto positivo contra todos os garotos ainda. É cada figura bizarra que não entende nada de tênis postando por aqui, minha nossa!

Djokovic, o GOAT com extrema folga do tênis e também de todos os esportes.

tuga
tuga
28 dias atrás
Responder para  Viktor

Pena que só seja o maior no saibro, né

tuga
tuga
28 dias atrás
Responder para  Viktor

Tem que se ver os números em condições, sem preferências. O Djokovic tem um equilíbrio maior nas vitórias, mesmo que sejam 10 no AO e 7 em Wimbledon

Viktor
Viktor
29 dias atrás

Porque apagam minhas msgs?

José Nilton Dalcim
Admin
29 dias atrás
Responder para  Viktor

Estão todas publicadas, Viktor.

Silvio
Silvio
28 dias atrás

É o começo do FIM, sim. Djoko.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE