PLACAR

Campeões mundiais vencem o BT 200 de Feira de Santana

Mattia Spoto, de branco, e Antomi Ramos (Foto: Divulgação)

Feira de Santana (BA) – Os campeões do  ITF BT 200 de Feira de Santana (BA), o primeiro torneio do circuito mundial em solo baiano, foram definidos neste domingo, com os favoritos confirmando na academia Smash.

No masculino, o número 1 do mundo, o italiano Mattia Spoto, atual campeão mundial, e o espanhol Antomi Ramos, sexto colocado e com dois títulos mundiais no currículo, derrotaram os brasileiros Hugo Russo, 10º do mundo, e Leonardo Branco, 16º, por duplo 6/2. Esta é a 76ª conquista de Antomi, a segunda ao lado de Spotto, que faturou seu 33º título.

“Nosso ponto forte foi a devolução, Mattia é um cara sensacional, vive nos pontos importantes, tem uma leitura de saque do adversário muito importante antecipando na devolução. É nosso segundo torneio junto e com vitória também. O Bruxo (seu apelido) jogando com raquete nova, segunda vez com título (risos)”, disse o atleta de Gran Canaria que vive em Campinas. “A gente achou que esse jogo poderia ser muito difícil pela característica deles sendo muito rápidos e agressivos, mas continuamos devolvendo de forma incrível e nessa quadra é mais importante devolução do que o saque”, continuou Spotto.

No feminino, a italiana Nicole Nobile, sexta colocada e campeã mundial pela Itália em 2023, e a compatriota Veronica Casadei derrotaram as brasileiras Lorena Melo e Raquel Iotte por 6/1 e 6/2. Esta é a segunda conquista seguida da dupla, que vinha de troféu no Guarujá (SP). Nobile faturou seu 40º título na carreira. Casadei será top 10 no ranking e ergueu o 19º troféu de campeã. “Jogamos muito bem nesse torneio. Depois do Guarujá, passamos a jogar muito bem. A diferença é a energia minha com a Veronica em cada ponto. Estamos muito felizes”, vibrou Nobile.

“Tínhamos uma expectativa e ela foi alcançada, que é a aceitação de todos os atletas e o público pelas condições da quadra, apesar da chuva que tentou atrapalhar, mas conseguimos superar. Muito feliz em poder realizar esse evento com atletas de renome mundial. Isso engrandece cada vez mais o beach tennis na Bahia”, disse Lúcio Sena, um dos organizadores e membro da academia Smash.

“Estar em um evento como esse, em Feira de Santana, com a quadra lotada, os ídolos do beach tennis não tem preço”, resumiu Duda Catharino, presidente da Federação Bahiana de Tênis. A competição contou ao todo com 250 atletas de todo o país, além de atletas da Itália, Espanha, Portugal, Argentina e Equador.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE