PLACAR

Bicampeã, Tatjana Maria marca 14ª vitória seguida em Bogotá

Tatjana Maria (Foto: Copa Colsanitas Zurich)

Bogotá (Colômbia) – Atual bicampeã do WTA 250 de Bogotá, a alemã Tatjana Maria fez valer mais uma vez sua ótima adaptação às condições de saibro e altitude da capital colombiana. Ela marcou sua 14ª vitória seguida no torneio e garantiu vaga nas quartas de final, superando nesta quinta-feira a argentina Julia Riera por 2/6, 6/0 e 6/2.

Maria não perdia um set em Bogotá desde a final contra Laura Pigossi em 2022. Naquele ano, a experiente alemã foi campeã vinda do quali. Já na temporada passada, ela não perdeu sets no caminho para o título. Aos 36 anos, Maria ocupa o 46º lugar do ranking, quatro posições abaixo de sua melhor marca.

A adversária de Maria nas quartas será a colombiana Camila Osorio, campeã do torneio em 2021 e 85ª do ranking, que derrotou a romena Anca Todoni por 7/6 (7-4) e 6/4. A alemã venceu o único duelo anterior contra Osorio, no Australian Open deste ano. A colombiana é a última sul-americana restante na chave.

Do mesmo lado da chave, a italiana Sara Errani enfrenta a romena Irina Bara, algoz de Laura Pigossi. Já do outro lado, a espanhola Cristina Bucsa confirmou a condição de cabeça 4 do torneio e bateu a alemã Jule Niemeier por 6/4 e 6/1. Sua próxima rival é a russa Kamilla Rakhimova, que venceu a mexicana Renata Zarazua por 7/6 (7-4), 6/7 (5-7) e 6/3.

Principal nome do torneio, a tcheca Marie Bouzkova jogou no fim de noite desta quinta-feira contra a norte-americana Hailey Baptiste e venceu por 6/3 e 6/4. A atual 42ª do ranking enfrenta a experiente alemã de 36 anos Laura Siegemund, 89ª colocada, que derrotou a britânica Francesca Jones por 6/7 (4-7), 6/4 e 6/2. Bouzkova venceu os dois duelos anteriores, o primeiro em Miami em 2022 e o mais recente no quali de Doha no ano passado.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE