PLACAR

Apoiado por Djoko, sérvio de 20 anos surpreende

Hamad Medjedovic (Foto: Andrey Udartsev/KTF.kz)

Astana (Cazaquistão) – O jovem sérvio Hamad Medjedovic está aproveitando muito bem o convite recebido para disputar o ATP 250 de Astana, sobre quadra sintética coberta. O tenista de 20 anos, que recebeu apoio logístico e financeiro de Novak Djokovic, causou mais uma surpresa e eliminou neste domingo o tcheco Jiri Lehecha, cabeça 4 e 29º do ranking, com parciais de 6/3 e 6/4.

“Para ser honesto, estou radiante”, afirmou Medjedovic. “É incrível estar nas semifinais de Astana. Já estive em outra semi de nível 250, mas esta me parece mais especial porque o torneio está cheio de tenistas bons e acontece em quadras cobertas”. O jovem sérvio também disputou semi no saibro de Gastaad, em julho.

Medjedovic foi orientado e financiado por Djokovic quando fez a transição do juvenil para o circuito profissional e está em condições de disputar o Next Gen Finals. em Jeddah. Ele subiu para o oitavo lugar na classificação dos tenistas até 21 anos e ainda pode subir para sexto em caso de nova vitória. Nesta semana, já superou também o compatriota Laslo Djere e o bom russo Alexander Shevchenko.

Seu adversário agora será o norte-americano Sebastian Korda, que obteve seu melhor resultado desde a longa parada por contusão e tirou o cabeça 1 da semana, o holandês Tallon Griekspoor, por 6/4, 4/6 e 6/3. Esta já é a quinta semi de Korda na temporada. O número 28 do ranking disparou 12 aces.

A outra semifinal terá o veterano Adrian Mannarino e o austríaco Sebastian Ofner. O canhoto francês passou pelo qualificado Jurij Rodionov, por 6/1 e 7/6 (8-6), enquanto Ofner obteve grande virada em cima do compatriota Dominic Thiem, com parciais de 5/7, 6/4 e 6/2. Com a campanha, Ofner aparecerá no top 50 do ranking pela primeira vez.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE