PLACAR

Aliassime vence de madrugada na estreia em Roterdã

Foto: ABN AMRO Open

Roterdã (Holanda) – Em dia de jogos muito longos, o canadense Félix Auger-Aliassime estreou com vitória no ATP 500 de Roterdã, em quadras duras e cobertas. Campeão do torneio em 2022, Aliassime precisou de dois tiebreaks para vencer o norte-americano Maxime Cressy, 170º do ranking, por 7/6 (7-3) e 7/6 (10-8) em partida com 2h20 de duração e que terminou por volta de 1h da manhã pelo horário local.

Com bom desempenho no saque, Aliassime disparou 18 aces na partida e só enfrentou um break-point, em jogo inteiramente sem quebras. Mas na segunda parcial, o canadense salvou três set-points, antes de fechar o jogo em sua segunda oportunidade. Ex-número 6 do mundo, ele ocupa atualmente o 28º lugar do ranking aos 23 anos.

O adversário de Aliassime nas oitavas será o vencedor da partida entre o russo Andrey Rublev, número 5 do mundo e campeão do torneio em 2021, e o belga Zizou Bergs, 132º do ranking. O canadense tem apenas uma vitória em quatro jogos contra Rublev, conquistada justamente em Roterdã há duas temporadas. Já contra Bergs, venceu um jogo no quali do ATP da Antuérpia em 2018.

Já a torcida holandesa pôde comemorar a vitória de Tallon Griekspoor, 29º do ranking, sobre o italiano Lorenzo Musetti, 26º colocado, por 3/6, 7/6 (9-7) e 7/6 (7-3) em 2h53 de partida. Griekspoor, que salvou dois match-points espera a estreia do polonês Hubert Hurkacz, número 8 do mundo e cabeça 4 do evento contra o tcheco Jiri Lehecka, 32º do ranking.

Mais cedo, os veteranos Milos Raonic e David Goffin também haviam vencido suas partidas de estreia em Roterdã, sendo que Goffin precisou de 2h55 para superar o croata Dino Prizmic por 6/4, 6/7 (12-14) e 6/1. Ele enfrenta o australiano Alex de Minaur ou o norte-americano Sebastian Korda. Já Raonic fez 7/6 (7-5) e 6/4 contra o holandês Jesper de Jong e espera o vencedor entre o croata Borna Coric e o cazaque Alexander Bublik.

Leia mais:

Goffin e Raonic superam a estreia em Roterdã

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE