PLACAR

Alexandrova volta a supreender e também tira Pegula

Ekaterina Alexandrova (Foto: Maria Christina Acosta)

Miami (EUA) – Depois de ter eliminado a número 1 do mundo Iga Swiatek na última segunda-feira, a russa Ekaterina Alexandrova conseguiu mais uma grande vitória no WTA 1000 de Miami e garantiu vaga na semifinal. A atual 16ª do ranking superou a norte-americana Jessica Pegula, quinta colocada, por 3/6, 6/4 e 6/4 em 2h de partida nesta quarta-feira.

Aos 29 anos, Alexandrova chega à sua 14ª vitória contra top 10 e a sexta contra top 5. Além de ter batido Swiatek e Pegula em Miami nesta semana, ela ainda ganhou de Elena Rybakina na atual temporada, em Adelaide. A russa disputará sua segunda semifinal de WTA 1000, repetindo o resultado de Madri em 2022. Em sua carreira profissional, tem quatro títulos e mais quatro vices no circuito da WTA.

Atualmente com o melhor ranking da carreira, Alexandrova já está ganhando uma posição com a semifinal de Miami. Ela pode chegar ao 13º lugar se for finalista e à 11ª colocação em caso de título. Sua próxima rival será outra norte-americana, a ex-top 10 e atual 53ª do ranking Danielle Collins, em jogo marcado para às 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira. A outra semi será às 16h entre a tricampeã Victoria Azarenka e Elena Rybakina, finalista no ano passado.

Por sua vez, Jessica Pegula tentava alcançar sua terceira semifinal consecutiva em Miami, repetindo os resultados das duas últimas temporadas. A norte-americana de 30 anos segue com quatro títulos no circuito, dois deles de nível 1000, o primeiro ainda em 2022 em Guadalajara e o segundo no ano passado em Montréal.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

A partida começou equilibrada e com domínio das sacadoras até o 3/3. Mas na reta final do primeiro set, a maior solidez de Pegula fez a diferença diante de uma rival que cometia muitos erros não-forçados. A norte-americana conseguiu duas quebras e definiu a parcial. Alexandrova fez 11 a 7 nos winners, mas cometeu 18 erros contra apenas 4 de Pegula.

Depois de não ter enfrentado nenhum break-point no set inicial, Pegula teve o serviço quebrado no início da parcial seguinte. Mais agressiva em quadra, Alexandrova tinha a iniciativa dos pontos e voltou a quebrar para abrir 5/2. Ainda que a norte-americana tenha diminuído a diferença no fim do set, não evitou que a russa igulasse a partida. Alexandrova fez 15 a 4 nos winners e cometeu 21 erros contra 12.

Logo na abertura do terceiro set, Alexandrova teve mais um break-point. Pegula conseguiu se salvar, mas seguia sofrendo com as devoluções da adversária, que assumia desde cedo o controle dos pontos. Não demorou para que a russa voltasse a quebrar e fizesse 3/2. A tenista da casa buscou o empate, mas perdeu o saque mais uma vez, no penúltimo game da partida. Sacando para o jogo, Alexandrova não deixou a oportunidade escapar e definiu a disputa em três sets. A russa liderou com folga a estatística de winners, por 40 a 15, e cometeu 61 erros contra 27 de Pegula. Cada jogadora conseguiu quatro quebras.

 

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo H
Paulo H
22 dias atrás

Incrível o jogo da russa Alexandrova. Sem medo de ser feliz, vai para as linhas, batendo forte tanto na cruzada como na paralela, fazendo com que a norte-americana ficasse atrás o tempo todo, só procurando se defender, geralmente com bolas altas ou curtas, facilitando os desfechos dos pontos. Vamos ver se consegue manter esse estilo de jogo, meio kamicaze, sem desabar em ENFs.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE