PLACAR

Wild vinga Monteiro e supera a estreia em Kitzbuhel

Kitzbuhel (Áustria) – Responsável pela eliminação do cearense Thiago Monteiro na última rodada do quali, o austríaco Dennis Novak estreou na chave principal do ATP 250 de Kitzbuhel nesta terça-feira e foi derrotado pelo paranaense Thiago Wild, que vingou o compatriota e triunfou em sets diretos, com parciais de 6/3 e 6/4, após 1h24 de jogo.

Atual 117 do mundo, Wild está ganhando provisoriamente três lugares com a vitória. O paranaense de 23 anos aos poucos se distancia de Monteiro na briga pelo número 1 do Brasil e se aproxima de um inédito top 100. Está a menos de 50 pontos do atual 100º colocado.

Na segunda rodada, ele terá pela frente o sérvio Laslo Djere, que vem do vice em Hamburgo e nesta terça bateu o australiano Christopher O’Connell com parciais de 6/4 e 7/6 (7-4). Será a terceira vez que Wild enfrentará o sérvio, tendo sido derrotado nos dois confrontos anteriores, em Gstaad e Hamburgo, ambos em 2021.

Wild teve uma largada complicada e logo no primeiro game da partida precisou salvar quatro break-points. No sexto game, foi a vez do paranaense ameaçar o saque de Novak, que foi quebrado já na primeira chance de quebra cedida. O tenista da casa teve a oportunidade de devolver o break em seguida, mas não conseguiu e acabou perdendo o primeiro set.

O equilíbrio se manteve na segunda parcial, que também acabou decidido com apenas uma quebra de diferença. Somente um break-point foi disputado em todo o set, no quinto game, quando Wild bateu o saque do rival. Depois disso, bastou ao paranaense administrar a vantagem até o final para selar a vitória no segundo match-point que teve.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE