PLACAR

Wilander não se preocupa com derrotas de Djokovic na ATP

Foto: BNP Paribas Open

Miami (EUA) – O sueco Mats Wilander ignorou as preocupações sobre a forma do sérvio Novak Djokovic depois que o número 1 do mundo foi surpreendido pelo lucky-loser italiano Luca Nardi na terceira rodada de Indian Wells e desistiu na sequência de Miami. Para ele, “Nole” não se importa quando perde nos torneios menores e foca todas as energias nos Grand Slam.

“Eu não me preocupo e tenho certeza que ele também não está preocupado. Claro que ele gostaria de vencer todos os torneios, gostaria de vencer todas as partidas, mas acho que hoje em dia, muitas vezes ele viaja apenas para se testar”, analisou Wilander no Eurosport

O sueco acredita que Djokovic use todos os demais torneios do circuito mais para calibrar seu jogo, tendo como foco principal os títulos nos quatro Slam. “Faltam dois meses para Roland Garros e é quando ele precisa estar no seu melhor. Vai querer estar no ápice na França, em Wimbledon e depois seguindo para as Olimpíadas”, comentou o dono de sete títulos de Grand Slam.

“Seria ótimo vencer o ‘Sunshine Double’ novamente para Djokovic, mas ele nem está jogando em Miami. Então, basicamente é o caso de conseguir algumas partidas, entender qual o seu nível no momento e então voltar para casa e se preparar para os próximos desafios”, afirmou Wilander.

Para o ex-número 1 do mundo, as derrotas do sérvio nos demais torneios não importam tanto, já que a meta são os Slam. “Acho que nos últimos anos ele não ganhou muito no circo e é por isso que ele está ganhando tantos torneios de Grand Slam, porque está fresco. Eu não acho que isso (derrotas em torneios menores) importe tanto”, finalizou.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Almeida
Paulo Almeida
23 dias atrás

O GOAT de todos os esportes Djoko quer comemorar o número 1 mais velho da história sossegado em casa. Depois ele pensa na temporada de saibro.

Luis Vanderley Santana
Luis Vanderley Santana
23 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

Goat de todos os esportes kkkkkkkkkkkkkk

Paulo Almeida
Paulo Almeida
23 dias atrás
Responder para  Luis Vanderley Santana

Isso mesmo.

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
23 dias atrás

Se o Djokovic conseguir defender os pontos conquistados nos Slams de 2023 é bem possível que ele alcance o recorde de semanas como nº 1 do ranking dos irmãos Bob e Mike Bryan que é de 438 semanas. Faltam 21 semanas.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
23 dias atrás

Ele já largou pra lá, pois conseguiu a última coisa que faltava.

Comparações com feminino e duplas é besteira: o que importa é o simples masculino.

SANDRO
SANDRO
22 dias atrás
Responder para  Paulo Almeida

Concordo plenamente contigo!!! Masculino é uma coisa, feminino outra totalmente diferente… Assim como simples e duplas também não se comparam recordes !!!

Paulo Almeida
Paulo Almeida
22 dias atrás
Responder para  SANDRO

Fato, Sandro!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE