PLACAR

Victoria fura quali e Brasil tem três no Eddie Herr

Bradenton (Flórida) – Com a presença assegurada na chave masculina do paulista Luis Felipe Sandoval, o tênis juvenil brasileiro colocou mais dois nomes do tradicional torneio Eddie Herr, ITF de nível 300, que acontece sobre quadras de har-tru.

Com apenas 13 anos, Victoria Barros ganhou suas três partidas no qualificatório e avançou ao torneio principal, que será assim o de maior peso em sua curta carreira. A potiguar superou a norte-americana Alba Martinez na estreia, por 6/2 e 6/1; depois tirou a local Nadia Rodwald, por 6/1 e 6/0; e na rodada final ganhou da principal inscrita no quali, a americana Christasha McNeil, por 6/2 e 6/2.

A paulista Sofia Perovani também avançou à chave, mas na condição de lucky-loser. Ela estreou com 6/4 e 6/2 sobre a local Maria Araoz-Gosn e depois ganhou da japonesa Hinata Furatani, por 6/4, 4/6 e 10-5. Mas na final, parou na dinamarquesa Mille Moerk, por 6/3 e 6/2.

Luís Felipe terá como primeiro adversário o argentino Segundo Zapico e, em caso de vitória, poderá cruzar com o principal favorito, o mexicano Rodrigo Pacheco Mendez. Já Victoria estreará contra a búlgara Yoana Konstantinova e poderá em seguida desafiar a cabeça 2 Iva Jovic, enquanto Sofia terá pela frente a tailandesa Kamonwan Yodpetch.

Victória planeja estreia profissional para 2024

Brasileiros nos 12, 14 e 16 anos
Pela chave de 16 anos, o paulista Luiz Felipe Silva estreia contra Michael Gao. Em caso de vitória, ele desafia o cabeça 1 do torneio, Jack Satterfield, ou o russo Maksim Nekrasov. Já nos 14 anos, Luca Queiroz estreia contra Achyuth Binu, enquanto Diego Custodio enfrenta Aedan Malik. A chave ainda conta com Victor Pignaton, que desafia o cabeça 5 Navneet Raghuram.

O Brasil ainda tem três jogadoras na chave feminina dos 12 anos: Manuela Banietti, Flavia Cherobim e Clara Coura. Na primeira rodada, Banietti enfrenta a ucraniana Sofiia Bielinska, enquanto Cherobim desafia a cabeça 3 do evento Nikol Davletshina. A estreia de Clara Coura será contra Sophia Khomoutov.

17 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Carlos Carcamino
Carlos Carcamino
3 meses atrás

Geração de ouro para o Brasil!

Paulo A.
Paulo A.
3 meses atrás

A Vic é mesmo ouro de garimpo! Que vitória acachapante sobre a 1a favorita do qualy e na casa dela. Só essa campanha no qualificatório já teria valido a pena mas ainda tem mais. Pena que pode encarar a cabeça 2 já na 2a rodada…

Ivan
Ivan
3 meses atrás
Responder para  Paulo A.

Pena nada, ela vai passar o trator novamente, pena adversária, e azar dela tbm.

Francisco Canindé
Francisco Canindé
3 meses atrás
Responder para  Paulo A.

Na realidade será uma oportunidade se ela passar da primeira rodada e pegar a número, ou ganha ou aprende ainda mais com ela. ☺️

Joaz
Joaz
3 meses atrás

Entre o juvenil e o profissional tem um abismo em termos técnicos. Mas,o que essa potiguar vem fazendo com tão pouca idade dá pra termos grandes espectativas com ela amadurecendo gradativamente no circuito profissional.

Paulo A.
Paulo A.
3 meses atrás
Responder para  Joaz

Exato! Mas não custa nada sonhar e torcer por nossa “pequena notável”!!
Penso que ela está no caminho certo e muito bem assessorada.

Tiago PW
Tiago PW
3 meses atrás

Parabéns Victória!

Espero q continues a te desenvolver para que possas atingir o teu potencial, sempre sendo guiada pelos bons exemplos que o mundo tem a oferecer!

Dennis Silva
Dennis Silva
3 meses atrás

O futuro do tênis está nessa tenista. Jovem mas com resultados surpreendentes

Guilherme Alcantara
Guilherme Alcantara
3 meses atrás

Será que os comentários do Lara, FF, Álcool em gel não estão sendo aceitos?

Fernando Fernandes
Fernando Fernandes
3 meses atrás
Responder para  José Nilton Dalcim

Apenas uma correção Dalcim, com todo respeito
Não sou e nunca fui personagem
Comentei no TenisBrasil por uma década
Sem perfil fake , com minha foto
Não vou comentar mais simplesmente pq não gostei do novo formato e não gostaria de me sujeitar a moderação
Simples assim

Ivo
Ivo
3 meses atrás
Responder para  José Nilton Dalcim

No fundo Dalcim… alguns de nós morríamos de rir com eles e outros personagens …se não se atacassem mutuamente de maneira desrespeitosa valeria a pena o teatro aqui.

Última edição 3 meses atrás by Ivo
Fernando Fernandes
Fernando Fernandes
3 meses atrás
Responder para  Guilherme Alcantara

Dalcim
Nem espero que publique esse já que nem o outro publicou
E nem disse nada demais
Fato que esses personagens a q vc se refere criam engajamento e você sabe disso
Comento no seu site há uma década
Mesmo sendo considerado hater, o que não sou, muita gente entra para ler . Acredite. Ou para xingar , ou para concordar ou para simplesmente dar risada
Na minha resposta anterior apenas justifiquei a uma dessas pessoas

TenisBrasil
Editor
3 meses atrás
Responder para  Fernando Fernandes

Engajamento é bom, desde que seja positivo, ou seja, crie um debate saudável e não agressões e xingamentos. Dessa outra forma, não é bem-vindo.

Fernando Fernandes
Fernando Fernandes
3 meses atrás
Responder para  TenisBrasil

Sucesso para vocês

Carlos M.
Carlos M.
3 meses atrás

Tive a sorte de acompanhar alguns treinos da Victória aqui em São Paulo. Sempre acompanhada da mãe. Muito técnica e focada, ainda comn12 anos. Diferenciada. Já teve experiências em países diversos, torneios difíceis, enfrentando meninas de 16, 17 anos. Dá entrevistas em que mostra maturidade. É mais que uma esperança. Já é realidade. Que siga assim.

Eduardo
Eduardo
3 meses atrás

Grande campanha da Vitória, parabéns! De qualquer forma, é necessário cautela, nessa fase as tenistas evoluem em idades diferentes, e isso não é problema. A Efremova, também de 2009, que adquiriu a nacionalidade francesa recentemente, já começou a disputar torneios profissionais (e tem ido bem).

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE