PLACAR

São Paulo recebe o Roland Garros Junior Series em abril

Foto: Divulgação

São Paulo (SP) – Pelo segundo ano consecutivo, o Roland Garros Junior Series by Renault, competição classificatória para a chave juvenil do Grand Slam francês, será disputado na cidade de São Paulo. O evento acontece entre os dias 3 e 7 de abril nas quadras de saibro da Sociedade Harmonia de Tênis, tradicional clube da capital paulista e que foi chancelado como um Roland Garros Club de forma exclusiva no Brasil.

Realizado desde 2015, o torneio se tornou um dos mais relevantes da categoria no continente e é fruto de uma colaboração entre a Federação Francesa de Tênis (FFT), a Confederação Sul-Americana de Tênis (Cosat) e a Confederação Brasileira de Tênis (CBT). Como nos anos anteriores, os campeões masculino e feminino garantem um ‘wild card’ (convite) para a disputa da chave principal do torneio juvenil que acontece em Paris simultaneamente à prova adulta.

Diferentemente da edição 2023, ao invés de um formato eliminatório desde o início, desta vez os atletas serão divididos em quatro grupos com quatro jogadores. Tal mudança tem como intuito principal ampliar o tempo de quadra e, consequentemente, as chances de cada um dos participantes em alcançar o objetivo principal: o wild card para Roland Garros.

Diretor de Desenvolvimento Internacional da FFT, Aymeric Labaste explica um pouco deste propósito de oferecer mais oportunidades aos atletas. “Nossa ambição é posicionar o Roland Garros Junior Series by Renault como uma referência e, ao mesmo tempo, apoiar a próxima geração de jogadores latino-americanos. Portanto, tomamos a decisão de adotar esse formato (chamado de Round Robin) para garantir que cada atleta jogue pelo menos três partidas”, enfatiza.

Ao todo, participarão do torneio 32 atletas de 11 países diferentes (Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela), sendo 16 meninos e 16 meninas, todos com menos de 16 anos. A competição será transmitida diariamente pelos canais ESPN (exclusivo no Brasil) e pela plataforma de streaming Star+ (em toda a América do Sul).

Del Potro estará presente
Pela segunda vez, o Roland Garros Junior Series by Renault terá como embaixador o argentino Juan Martín del Potro, ex-número 3 do mundo, campeão do US Open em 2009, duas vezes medalhista olímpico (bronze em Londres-2012 e prata no Rio-2016) e semifinalista no Aberto da França em 2009 e 2018. Durante o evento, Delpo terá um encontro com os participantes, como mais uma forma de prover oportunidades de desenvolvimento aos jovens tenistas.

“O acordo que fechamos com a Sociedade Harmonia de Tênis vai permitir com que elevemos o padrão do torneio e que recriemos o universo de Roland Garros em São Paulo. O fato de contarmos com Juan Martín del Potro como embaixador da competição sintetiza bem o alto nível do que produzimos para esses jovens. Tênis também é uma questão de transmissão, de aconselhamento, e Juan Martín agrega um valor inestimado”, afirma Labaste.

Confira a lista completa de jogadores:

Chave feminina (ranking juvenil da ITF)
Argentina: Sol Larraya (132ª)
Bolívia: Valery Sumoya (2595ª)
Brasil: Pietra Rivoli (160ª), Nauhany Silva (620ª), Sofia Albieri (1654ª) e Alicia Reichel (2432ª)
Chile: Augustina Solo (450ª)
Colômbia: Maria José Sanchez (497ª)
Equador: Viktoria Monge (1027ª)
México: Hanne Estrada (309ª)
Paraguai: Zoe Doldán (575ª)
Peru: Micaela Moro (816ª)
Uruguai: Sofia Barbosa (-)
Venezuela: Sabrina Belderrama (779ª)

Chave masculina (ranking juvenil da ITF)
Argentina: Dante Pagani (298º)
Bolívia: Alejandro Bajarano (3153º)
Brasil: Pedro Chabalgoity (318º), Luis Augusto Miguel (492º), Pedro Dietrich (838º) e Washington Matos(925º)
Chile: Benjamin Pérez (-)
Colômbia: Lucas Velasco (597º)
Equador: Emilio Camacho (623º)
México: Mauricio Schtulmann (448º)
Paraguai: Alvaro Frutos (697º)
Peru: Nicolás Baena (879º)
Uruguai: Felipe Vazquez (-)
Venezuela: Rodolfo de Andreis (2939º)

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás

Os argentinos serão os grandes adversários dos Brasileiros

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE