PLACAR

Sabalenka consegue revanche com Jabeur e faz semi

Foto: Western & Southern Open

Cincinnati (EUA) – Pouco mais de um mês depois de protagonizarem uma semifinal bastante equilibrada em Wimbledon, Aryna Sabalenka e Ons Jabeur voltaram a se enfrentar nesta sexta-feira em Cincinnati. E Sabalenka conseguiu a revanche de sua recente derrota, marcando as parciais de 7/5 e 6/3 para voltar à semifinal do último WTA 1000 preparatório para o US Open. Sabalenka tem agora 4 a 2 no histórico de confrontos contra Jabeur no circuito.

Vencedora de 13 títulos no circuito, três deles este ano em Adelaide, Australian Open e Madri, Sabalenka tenta alcançar sua 24ª final na carreira e a sexta na temporada. É a terceira vez que ela chega à semifinal de Cincinnati, repetindo as campanhas de 2018 e também do ano passado.

A bielorrussa de 25 anos e número 2 do mundo enfrenta no sábado às 14h (de Brasília) a tcheca Karolina Muchova, 17ª do ranking. Será mais uma oportunidade de revanche para Sabalenka, superada recentemente pela tcheca na semifinal de Roland Garros.

Em um primeiro set com quase uma hora de duração, as duas tenistas se alternaram no domínio da partida. Como era esperado por conta dos estilos de jogo, Sabalenka era quem buscava maior iniciativa nos pontos no início. Mas Jabeur, mesmo sendo reconhecida por suas variações, também tentava sustentar a pancadaria de fundo, usando os slices com menos frequência, e mais como recurso nas devoluções de saque.

Sabalenka abriu 2/0 e permitiu o empate. A parcial seguiu com games longos e domínio das sacadoras. Depois, a bielorrussa voltou a quebrar para 5/3, mas desperdiçou a chance de sacar para o set, com muitos erros e duplas faltas no mesmo game. Ainda assim, a número 2 do mundo seguiu pressionando o serviço da adversária para conseguir outra quebra no fim do set. Ela fez 18 a 13 nos winners e 14 erros contra 10.

O segundo set começou melhor para Jabeur, que conseguiu quebrar logo cedo e liderou por 3/1. No entanto, a tunisiana sentiu um desconforto no pé direito e precisou do tempo médico de três minutos.

Na volta, ela teve seu serviço quebrado com uma dupla falta. E logo depois, Sabalenka fez um game de saque muito rápido, com dois aces, para liderar por 4/3. Jabeur recebeu tratamento também na virada de lado e passou a encurtar os pontos, o que aumentou sua margem de erro. Sabalenka conseguiu uma nova quebra de serviço e definiu a partida em sets diretos. A bielorrussa fez 31 a 20 nos winners e cometeu 23 erros contra 19 da tunisiana. A partida teve dez quebras, com seis a favor da bielorrussa.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE