PLACAR

Qualis do Rio Open começam no sábado com 6 brasileiros

Foto: João Pires

Rio de Janeiro (RJ) – A busca pelas últimas vagas no Rio Open começa neste sábado com as disputas do quali. Quatro brasileiros tentam as últimas vagas em simples, Felipe Meligeni, Matheus Pucinelli, João Lucas Reis e Mateus Alves. E nas duplas, a inédita parceria entre João Fonseca e Marcelo Zormann recebeu convite para o quali. São necessárias duas vitórias para entrar nas chaves.

O paulista Felipe Meligeni, de 25 anos e 155º do ranking, estreia contra o eslovaco Alex Molcan, canhoto de 26 anos e 122º colocado, em confronto inédito. Se vencer, ele pode desafiar o italiano Luciano Darderi, campeão em Córdoba e cabeça 1 do quali no Rio, ou o argentino Juan Manuel Cerúndolo.

O convidado Matheus Pucinelli, de 22 anos e 314º do ranking, terá a chance de enfrentar um tenista do top 100. Ele desafia o espanhol Pedro Martinez, 96º do ranking e cabeça 2 do quali. Se vencer, o jovem paulista poderá enfrentar o francês Corentin Moutet ou o argentino Camilo Carabelli.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

O paulista Mateus Alves e o pernambucano João Lucas Reis estão no mesmo setor da tabela e podem até se enfrentar, caso vençam adversários que são cabeças de chave. Alves, de 23 anos e 389º do ranking, estreia contra o argentino Mariano Navone, 117º colocado. Também de 23 anos, Reis é o 310º do ranking e desafia o chileno Tomas Barrios Vera, 120º colocado.

Fonseca e Zormann jogam duplas
No quali de duplas, Fonseca e Zormann estreiam contra os franceses Theo Arribage e Luca Sanchez. Em caso de vitória, enfrentam o romeno Victor Cornea e o austríaco Philipp Oswald ou o alemão Yannick Hanfmann e o peruano Juan Pablo Varillas.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
1 mês atrás

Qualy durissimo

JONY MARCIO SANTOS
JONY MARCIO SANTOS
1 mês atrás

Chave complicada demais. Talvez o Meligeni tenha mais chances de avançar, mas esse possível jogo na rodada final contra o Darderi, campeão de Cordoba, é osso duro. Apesar das dificuldades, na torcida por todos.

Haroldo Guimaraes
Haroldo Guimaraes
1 mês atrás

Força brasileiros, sempre na torcida. Dificil , mas nao impossivel

trackback

[…] duas virórias brasileiras. Os paulistas Felipe Meligeni e Matheus Pucinelli venceram seus jogos e estão a uma vitória cada um da chave principal. Já Mateus Alves e João Lucas Reis caíram ainda na rodada de […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE