PLACAR

Olívia, Guto e Naná entram em RG, Gustavo aguarda vaga

Paris (França) – Três brasileiros entraram diretamente nas chaves principais do torneio juvenil de Roland Garros, que acontece entre os dias 2 e 8 de junho. As paulistas Olívia Carneiro e Nauhany Silva serão as representantes na disputa feminina, enquanto o goiano Luis Augusto Miguel já está na chave masculina. Ainda entre os meninos, o paranaense Gustavo Almeida espera por uma vaga direta na chave principal.

O ranking divulgado nesta semana é o que serve de base para a classificação. Brasileira mais bem colocada, ocupando agora o 43º lugar, Olívia Carneiro utilizou sua boa colocação para garantir a vaga direta em Paris. Ela já esteve em Roland Garros em 2022 quando venceu o Junior Series no Brasil. A paulista de 17 anos também esteve no quali de Wimbledon de 2023 e no Australian Open em janeiro.

Nauhany Silva, de 14 anos, e Guto Miguel, de 15, garantiram a classificação para Paris após as conquistas do Roland Garros Junior Series, disputado em São Paulo no início deste mês. Naná disputa seu primeiro Grand Slam, enquanto Guto já esteve no torneio de 14 anos de Wimbledon no ano passado. Os três representantes nacionais na chave em Paris são time Rede Tênis Brasil.

Luis Augusto Miguel e Nauhany Silva
(Foto: Marcello Zambrana/DGW)

Quem também tem boas chances de entrar é Gustavo Almeida. Vindo de bons resultados no saibro europeu, com um título de simples e dois de duplas nas últimas semanas, o atual 53º do ranking juvenil está a seis posições da última vaga direta, que ficou com o britânico Benjamin Gusic Wan, 47º colocado. O atleta do Instituto Ícaro, de Curitiba, e campeão da Davis Junior pelo Brasil jogou a chave principal em Paris no ano passado. Ele também esteve nos qualis de Wimbledon e do US Open e está jogando o challenger de Porto Alegre nesta semana.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

O quali masculino ainda conta com o paulista de 17 anos Enzo Kohlmann, 70º do ranking e que treina na equipe Juninho Tennis, de São Bernardo do Campo. No início da temporada, Kohlmann, jogou o Australian Open e avançou uma rodada. Já a potiguar de 14 anos Victória Barros, que treina na academia de Patrick Mouratoglou na França, é a 84ª do ranking e é a quinta na lista de espera por vaga no quali.

Cada chave juvenil em Roland Garros (masculina ou feminina) tem 64 tenistas, sendo que 48 entram diretamente pelo ranking, com oito convites e oito vagas do quali, que tem duas rodadas. Os jogos do quali acontecerão no fim de semana anterior ao do início da chave principal.

10 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Refaelov
Refaelov
25 dias atrás

Certamente o Gustavo entrará na chave principal e a Victoria no Qualy..

Paulo A.
Paulo A.
25 dias atrás

De todos, a que espero melhores resultados la em RG é a Naná. Tem um tênis moderno e que pode fazer frente às meninas do leste europeu com suas bolas retas e jogando em cima das linhas.

Felipe Rossa
Felipe Rossa
25 dias atrás

Se Victoria é 84° do Ranking pq ela precisa ficar na lista de espera do Qualy?

Luis Vanderley Santana
Luis Vanderley Santana
25 dias atrás
Responder para  Felipe Rossa

Acho q devido a chave ser bastante reduzida

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
19 dias atrás
Responder para  Felipe Rossa

Tb não entendi, pois se somarmos 64 principal+ 32 ( 2 rodadas qualy) =96, subtrai os 8 repetidos( que passam do qualy) = 88. Tb não entendi porque o último no masculino é o 47 , se entram 48 pelo ranking??/ Mário ou Dalcim podem ajudar?

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
19 dias atrás
Responder para  Mário Sérgio Cruz

obrigado, não sabia da informação.

Guilherme Ribeiro
Guilherme Ribeiro
24 dias atrás

Alguém tem alguma informação sobre a Victória?? Ela teve uma sequência ruim de 3 torneios eliminada nas fases iniciais, depois não apareceu em mais nenhum torneio. Será que sentiu alguma lesão?

Carlos M.
Carlos M.
24 dias atrás
Responder para  Guilherme Ribeiro

Joga um torneio 200 a partir do dia 7, semana que vem.

Carlos M.
Carlos M.
24 dias atrás
Responder para  Guilherme Ribeiro

Corrigindo, ela joga só no dia 13, na Itália, um torneio de nível 300. É a quarta melhor no qualy.

Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.
Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Quando os tenistas se machucam, mas ainda vencem

ATP seleciona as 10 melhores jogadas do ATP FInals