PLACAR

Mesmo com título, Rybakina espera jogar em Adelaide

Brisbane (Austrália) – Campeã do primeiro WTA 500 da temporada em Brisbane, Elena Rybakina mantém os planos de jogar mais um torneio preparatório para o Australian Open. Mesmo depois de ter vencido cinco jogos na primeira semana do ano em Brisbane, a cazaque espera fazer mais algumas partidas no 500 de Adelaide, onde será a principal cabeça de chave.

“Estou jogando muito bem. Não vejo motivo para parar e não atuar em Adelaide”, disse Rybakina na coletiva de imprensa deste domingo, em Brisbane. “O resultado dessa semana foi um pouco inesperado. Não tive horas suficientes de treino antes de vir para cá porque fiquei doente de novo. Ainda estava voltando à forma e me recuperando da doença”.

“O tênis é um esporte de muita sensibilidade, eu diria. Cada detalhe importa muito. Veremos como será em Adelaide. As condições são diferentes e espero continuar jogando bem e me sentindo bem em quadra”, avaliou a cazaque. “Se eu conseguir me adaptar, primeiro a Adelaide, depois veremos como vou me sentir em Melbourne. Lá também será diferente”.

Rybakina não perdeu sets durante a semana em Brisbane e teve grande atuação na final, superando a número 2 do mundo Aryna Sabalenka por 6/0 e 6/3 em apenas 1h13 de partida. “Acho que o placar não reflete a realidade porque todos os games foram bastante acirrados, para ser sincera. Em alguns momentos, talvez eu tenha tido um pouco mais de sorte. Mesmo depois do primeiro set, sabia que não importava o placar e que o segundo seria difícil e que em poucos pontos, tudo poderia mudar. Como eu disse, não esperava que o placar fosse assim. E o jogo não foi tão fácil quanto pode parecer visto de fora”.

Campeã de Wimbledon em 2022 e vice do Australian Open no ano passado, Rybakina foi perguntada sobre favoritismo. Os jornalistas também se lembraram da estreia dela na última edição em Melbourne, quando jogou apenas na pequena quadra 13.

“Talvez eu não tenha recebido tanta atenção quanto as outras jogadoras. Espero jogar em uma quadra grande este ano. Claro que antes eu estava um pouco chateada por isso. Mas agora eu realmente não me importo com que quadra vou jogar. Procuro apenas me concentrar no meu jogo. Se eu chegar longe no torneio, sempre vou jogar na quadra central”.

Leia mais:

Rybakina dá ‘pneu’ em Sabalenka e conquista Brisbane

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
1 mês atrás

Parabéns Elena Rybakina, grande resultado na final contra a nº 2 do ranking e título merecido.

Rodrigo
Rodrigo
1 mês atrás

Vai descansar mulher kkk

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás

Não é muito inteligente jogar em semana antes de Slam.

Fabio
Fabio
1 mês atrás

Joga muito

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE