PLACAR

Meligeni perde para favorito em batalha de 3h30

Foto: João Pires/Fotojump

Lima (Peru) – A campanha do paulista Felipe Meligeni no challenger de Lima acabou logo na estreia, na noite de terça-feira, com uma derrota para o tenista da casa Juan Pablo Varillas, principal favorito ao título na competição. O brasileiro deu trabalho e batalhou por 3h34, caindo após três sets e dois tiebreaks, com o placar final de 7/6 (7-4), 6/7 (8-10) e 6/4.

Atual número 135 do mundo, Felipe pode subir no ranking mesmo com a eliminação precoce nesta semana. O campineiro de 25 anos está ganhando provisoriamente uma colocação e subindo para o 134º lugar, se aproximando um pouco mais da 129ª posição alcançada em junho deste ano, a mais alta da carreira até então.

O saque do brasileiro não esteve tão afiado na partida, com apenas 55% de aproveitamento. A segunda bola não machucou o rival, principalmente nos games que Felipe levou a pior, vencendo apenas 22% dos pontos no primeiro e 33% no terceiro, terminando no geral com 37% de aproveitamento. Por conta disso, ele encarou 18 break-points contra e foi quebrado seis vezes, mas conseguiu cinco quebras.

No primeiro set, Meligeni esteve um break atrás em duas oportunidades distintas, mas se recuperou em ambas. Ele chegou a ter dois set-points no décimo, no serviço de Varillas, mas não aproveitou as chances. Depois de perder o saque uma vez mais e devolver o break, veio o primeiro tiebreak do jogo, no qual o brasileiro derrapou no final e acabou superado.

Varillas teve a chance de fechar o jogo em sets diretos, abrindo 5/3 na segunda parcial, mas foi quebrado ao sacar para o jogo e chegou a perder três games seguidos, encarando 5/6 e saque de Meligeni, que também não confirmou. Veio mais um tiebreak, que foi ainda mais parelho que o anterior. O paulista salvou um match-point e empatou convertendo o terceiro set-point que teve.

O set decisivo foi parelho no placar, definido com apenas uma quebra, mas não nas oportunidades. Varillas teve seis break-points distribuídos em três games diferentes, conseguindo converter um no sétimo, enquanto Meligeni teve apenas um, evitado pelo peruano, que selou sua vitória no segundo match-point. Ele terá agora pela frente outro brasileiro: o pernambucano João Lucas Reis.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE