PLACAR

Kerber: “Não tenho nada a perder, quero dar o melhor de mim”

Foto: Simon Bruty/AELTC

Londres (Inglaterra) – Eliminada na primeira rodada dos torneios de grama que disputou na preparação para Wimbledon, não passando da estreia em Bad Homburg e Berlim, a alemã Angelique Kerber foi para a disputa no All England Club confiante apesar dos resultados recentes abaixo do esperado.

“É claro que não correu tão bem como eu esperava, teria gostado de ter disputado mais jogos na grama. Tenho que esquecer isso agora e me concentrar tanto quanto possível nas próximas tarefas”, comentou a germânica de 36 anos.

“Estou tentando ver isso de forma mais positiva, não tenho nada a perder. Estou aqui agora e vou aproveitar, dar o melhor de mim”, disse a campeã do torneio em 2018, que neste ano só entrou na chave graças a um convite da organização.

Ex-número 1 do mundo, a alemã fez uma pausa na carreira para ser mãe e ainda tenta recobrar seu melhor tênis, ocupando no momento a modesta 221ª colocação. Na atual temporada, ela soma apenas sete vitórias e 13 derrotas e tem como melhores resultados as oitavas em Roma e Indian Wells

“Depois de tantos anos, tenho tantas lembranças ótimas da minha conquista aqui. É sempre uma sensação especial quando volto a Wimbledon”, disse Kerber, que fará sua partida de estreia contra a cazaque Yulia Putintseva na terça-feira.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
João Sawao ando
João Sawao ando
18 dias atrás

Vai ganhar o primeiro jogo

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE