PLACAR

Iga tem grande atuação contra Azarenka e volta à semi em Doha

Foto: Jimmie48/WTA

Doha (Qatar) – No encontro entre duas bicampeãs em Doha, a número 1 do mundo Iga Swiatek fez valer o favoritismo e teve grande atuação contra a ex-líder do ranking Victoria Azarenka e garantiu vaga na semifinal do primeiro WTA 1000 da temporada. Em apenas 1h14 de partida, Swiatek marcou as parciais de 6/4 e 6/0. Foi sua terceira vitória em quatro jogos contra Azarenka no circuito.

Vencedora de 17 títulos no circuito da WTA, Swiatek já disputou 21 finais na carreira e, com apenas 22 anos, tenta se tornar a primeira tricampeã em Doha. Sua série de vitórias no Qatar já chega a 11 partidas desde 2022, com apenas um set perdido. Ela também pode ser a primeira tenista a vencer o mesmo torneio três vezes seguidas desde Serena Williams em Miami, entre os anos de 2013 e 2015.

Após a partida, Swiatek fez questão de enaltecer a trajetória de Azarenka no tênis, uma de suas inspirações no começo da carreira. “Vika é uma grande campeã e era uma das três melhores jogadoras que eu já vi quando era mais nova. Estava pensando nisso antes dessa partida, não são muitas as jogadoras que continuam no circuito desde quando eu comecei a assistir”, disse sobre a rival de 34 anos e 31ª do ranking.

“Tenho muito respeito por ela, especialmente por já ser mãe e dividir a vida no circuito com cuidar do filho. Ela é um exemplo para todas nós. Estou muito orgulhosa por dividir a quadra com ela e feliz com minha performance hoje”, acrescentou a polonesa, que tem 10 vitórias e apenas uma derrota neste início de temporada.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Sua próxima rival será outra ex-número 1 do mundo, Naomi Osaka ou Karolina Pliskova. A polonesa tem uma vitória e uma derrota contra Osaka e venceu os três duelos anteriores contra Pliskova, com direito a um duplo 6/0 na final de Roma em 2021. “São duas jogadoras que eu não enfrento há algum tempo, mas sei que as duas têm ótimos saques e batem muito forte na bola. Tenho que ficar atenta a isso no plano tático e tentar fazer o meu melhor”.

O primeiro set do confronto das quartas foi definido no detalhe. Depois de uma quebra para cada lado nos primeiros games, as sacadoras passaram a confirmar os serviços sem maiores riscos até o oitavo game. Quando perdia por 4/3, Swiatek sofreu com as devoluções agressivas de Azarenka em seu segundo serviço e teve que escapar de um break-point. A polonesa manteve o saque e quebrou na sequência, após uma dupla falta da rival. Nas estatísticas do set, fez 8 a 3 nos winners, com 19 erros contra 15.

Mais confiante na partida com a vantagem no placar, Swiatek esteve confortável para buscar variações, utilizando bem as curtinhas. Ainda no início da parcial, aplicou uma excelente passada. Pouco depois, conseguiu mais uma quebra com um drop-shot. A número 1 do mundo comandava as ações do fundo de quadra e confirmava rapidamente seus serviços e seguiu pressionando o saque da rival para aplicar o ‘pneu’. Swiatek fez 17 a 5 nos winners e cometeu 23 erros contra 27.

16 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Alexandre G.
Alexandre G.
1 mês atrás

Desconheço outra tenista nos últimos três anos que aplique tanto pneu nas adversárias.
Será que é só uma impressão minha?

Marcus Tabosa
Marcus Tabosa
1 mês atrás

tá muito rápída…aguentou a pancadaria da Azarenka, porém com muitos winners de volta.

Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás
Responder para  Marcus Tabosa

Eu acho que a Iga tem muito mais potência que a Vika…

Helton
Helton
1 mês atrás

Por isso que eu queria que a Ostapenko tivesse passado pela Azarenka, pois a Iga fica tremendo quando vê a letã. Seria um jogo muito mais interessante.

Paulo Mala
Paulo Mala
1 mês atrás

A Iga é esperta. Enquanto um monte de tenistas se mataram no wta500 colado a esse torneio, ela chegou descansada e com muito gás para um torneio desfalcado e que vale 1000.

Flávio
Flávio
1 mês atrás
Responder para  Paulo Mala

Paulo torci para a Azarenka só que não foi possível, agora que jogo horroroso e feio esse da Iga embora eficiente que a mantém no topo, más é horrível demais e é só pancadaria grossa, ou seja, parece que ela não quer aprender usar curtas ou slice , é por isso que o tênis feminino esta ficando entediado e desprestigiado pois a melhor do mundo pratica um tênis tão feio que desanima, pois dar pra ganhar jogando bonito como Alcaraz, Djokovic, Nadal, Federer, Steffi já fizeram e MEDVEDEV, ZVEREV, TAMBÉM EVOLUÍRAM A PARTE TÉCNICA. Daqui a pouco o público no tênis feminino vai fica cada vez mais escasso por causa do jogo grosso da Iga e outras, infelizmente.

Luis Ricardo
Luis Ricardo
1 mês atrás
Responder para  Flávio

que comentário mais sem noção o seu cara…. se o tenis femenino fosse tão feio, NINGUEM assistia e elas não ganhariam tanto quanto os H. Sua opinião NÃO reflete a da MAIORIA , alias só de uma minoria mesmo….e por acaso o tenis do Nadal , do Medvedev e bonito ??…eu não acho nem um pouco , mas é o MEU gosto e ele vale tanto quanto o seu……

Cristiana
Cristiana
1 mês atrás
Responder para  Luis Ricardo

Concordo contigo. E ultimamente assisto e acompanho mais o feminino.

Flávio
Flávio
1 mês atrás
Responder para  Cristiana

Cristina é um direito seu esta preferência, mas o tênis feminino é limitadíssimo ultimamente ,por isso é desvalorizado em premiações comparado ao masculino, exceto nos slam. O público, que é a grande maioria, preferem ver jogos vistosos por isso que as finais Alcaraz x Djokovic (Cincinatti e Wimbledom) tiveram a maior audiência de 2024 e uma da maiores já registrada nos últimos tempos.

Flávio
Flávio
1 mês atrás
Responder para  Luis Ricardo

Luiz Ricardo, deixa de ser sem noção mané é a verdade, exceto os slams os torneios femininos são financeiramente inferiores em relação a homens e com a parte técnica limitadíssima das moças(quase todas) acaba contribuindo para afugentar o público que preferem em maior quantidade ver uma final masculina do que uma feminina e você duvidando, olha aí mané a audiência em finais masculina são sempre maiores. Agora a maioria do público sabem que as mulheres, infelizmente, não tem a mesma qualidade técnica que os homens e é até injustiça cobrar a mesma eficiência, mas um pouco de técnica é possível elas apresentarem sim e não é isso que vemos, pois tirando a Marketa, Jabeur, Kenin, MUCHOVA, Townsend o resto é tudo igual até a Steffi já disse que o tênis feminino esta chato diferente da sua época que mostra a situação, ora se ela que foi uma das maiores jogadores de todos os temos(pra mim a maior) ao lado de Navratilova pensa assim e você vai querer duvidar de uma lendária como ela? Aí não dar,né mané.

Flávio
Flávio
1 mês atrás
Responder para  Luis Ricardo

E quem disse que Nadal não tem técnica cara, ora bolas se usa slice e curtas em momentos certos? Está vendo como você PASSOU VERGONHA ao dizer uma bobagem aqui, então é verdade que o Medvedev era robótico desengonçado, mas evoluiu um pouco a técnica porque às veZes sobe à rede e usa algumas curtas se isso você não acha que é evolução, então vai me desculpar você não sabe o que é técnica.

Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás

Iga macetou hoje! Como ela está confiante…

Fernando Venezian
Fernando Venezian
1 mês atrás

Fiquei chateado pela Vika! Tirando os gritinhos que parecem latidos de cachorro rs, ela é uma tenista muito interessante! A Iga troca bolas como se não houvesse amanhã! Que jogadora ágil! Fiquei maravilhado com essa rodada! Foram belos jogos!

Luis Ricardo
Luis Ricardo
1 mês atrás
Responder para  Fernando Venezian

Fernando , nunca consegui torcer pela Vika , assim tbm como não consigo torcer pela Sabalenka por causa dos seus gritos detestaveis…….que diferencia com a Iga , com a Ribakina então….

trackback

[…] com nove vitórias seguidas em apenas dez dias, Pliskova terá a difícil missão de desafiar a número 1 do mundo Iga Swiatek nesta sexta-feira, por volta de 12h30 (de Brasília). A ex-líder do ranking e atual 59ª colocada […]

Flávio
Flávio
1 mês atrás

A Piliskova fugiu da Iga de novo com oura desculpa, ou seja, acho que é a terceira vez que ela faz isso parece que a bicicleta humilhante que ela tomou a assombra até hoje porque se fosse outra ali ela não teria desistido , então que vergonha a sua atitude porque se fosse assim era melhor não ter atrapalhado a Osaka e desistido antes.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE