PLACAR

Heide estreia no top 300, Monteiro vai despencar

Foto: Divulgação/CBT

Londres (Inglaterra) – A segunda-feira foi de poucas mudanças para os três principais brasileiros no ranking da ATP. Atual número 1 do país e único no top 100, o paranaense Thiago Wild se manteve na 76ª colocação, enquanto o cearense Thiago Monteiro (117º) perdeu uma posição e o paulista Felipe Meligeni (144º) caiu dois lugares.

Defendendo nesta semana os 125 pontos do título do ano passado em Gênova, onde fez semi duas semanas atrás, faturando 45 pontos, Monteiro vai amargar uma dura queda na próxima semana e pode ficar fora do top 150. Ele irá despencar pelo menos 33 posições e depende dos resultados dos rivais que estão logo abaixo. Assim, Meligeni será o novo número 2 do Brasil.

Um pouco mais embaixo, o paulista Gustavo Heide, de 21 anos, estreou no top 300 nesta semana. Ele ganhou mais sete colocações e agora é o 294º do mundo. Logo abaixo vem o pernambucano João Lucas Reis, que ganhou cinco lugares e aparece no 304º posto, dois acima do paulista Matheus Pucinelli, que subiu quatro e aparece na 306ª posição.

Destaque também para as boas arrancadas do gaúcho Orlando Luz e do paulista Pedro Sakamoto. Orlandinho ganhou 30 posições nesta semana e alcançou o 431º lugar. Sakamoto teve uma ascensão ainda maior, disparou 73 colocações e alcançou o 520º posto.

Outros que subiram bem, todos ganhando mais de 20 lugares, foram o brasiliense Gilbert Klier, que saiu de 624º para 603º, o pernambucano José Pereira, subindo da 635ª para a 615ª colocação, o paulista Gabriel Décamps, que recuperou 21 lugares e agora é o 646º do mundo, e o paulista Marcelo Zormann, que melhorou 27 posições e foi para a 717ª

Veja o top 10 dos brasileiros no ranking da ATP:

Thiago Wild – 76º
Thiago Monteiro – 117º (-1)
Felipe Meligeni – 144º (-2)
Gustavo Heide – 294º (+7)
João Lucas Reis – 304º (+5)
Matheus Pucinelli – 306º (+4)
Eduardo Ribeiro – 348º (-2)
Daniel Silva – 401º (+3)
Orlando Luz – 431º (+30)
Mateus Alves – 455º

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE