PLACAR

Heide chega à 1ª semi do ano e terá seu melhor ranking

Gustavo Heide (Foto: Milko Ulloa/Legión Sudamericana)

Santiago (Chile) – A boa semana de Gustavo Heide no challenger de Santiago ganhou mais um capítulo nesta sexta-feira, quando o jovem paulista de 22 anos e 240º do ranking marcou sua terceira vitória sem perder sets e garantiu vaga na semifinal. Heide superou o italiano Gianluca Mager, 255º colocado, por 6/2 e 7/6 (7-5).

Esta é a quarta semifinal de challenger na carreira de Heide, que busca sua segunda final no circuito e um título inédito em torneios deste porte. Com os 22 pontos já garantidos, ele terá o melhor ranking da carreira, no 225º lugar, superando sua marca anterior, a 232ª posição.

O torneio em quadras de saibro na capital chilena dá 75 pontos na ATP ao campeão e 44 para o vice. Se vencer mais uma, Heide pode saltar para o 207º lugar, com chance de entrar no top 200 em caso de título. Na estreia, o brasileiro bateu o chileno Tomas Barrios Vera, principal cabeça de chave. E nas oitavas, passou pelo argentino Andrea Collarini.

O adversário na semifinal será o argentino Facundo Bagnis, canhoto de 34 anos e 147º do ranking. O histórico está empatado por 1 a 1. Bagnis venceu em 2022 em São Leopoldo, com o brasileiro levando a melhor no ano passado em Montevidéu.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

O primeiro set da partida foi amplamente dominado por Heide, que conseguiu três quebras de serviço. Ele saiu vencendo por 2/0, cedeu o empate, mas voltou a pressionar o saque do italiano para vencer os quatro último games da parcial.

Mais equilibrado, o segundo set foi dominado pelos sacadores, apesar de cada jogador ter quatro chances de quebra. Heide chegou a ter quatro match-points, um no 5/4 e mais três no 6/5, mas a vitória só foi confirmada no tiebreak.

Romboli e Zormann jogam a final de duplas
Também neste sábado, a parceria brasileira de Fernando Romboli e Marcelo Zormann disputará a final de duplas. Eles venceram os norte-americanos Evan King e Reese Stalder, principais cabeças de chave, por 6/7 (3-7), 6/4 e 10-7. Os adversários na final serão os bolivianos Boris Arias e Federico Zeballos, cabeças 2.

Leia mais:

Romboli e Zormann vão à final de duplas no Chile

11 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Lucas Miranda Faria
Lucas Miranda Faria
1 mês atrás

Sou: mais Heide (Ráidi) !!!!!

Evandro
Evandro
1 mês atrás
Responder para  Lucas Miranda Faria

Também só consigo pronunciar Ráidi, por causa do desenho da menina dos Alpes, que tem a mesma escrita

Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
1 mês atrás
Responder para  Evandro

Mas se fala Eide

Ernani Chaves
Ernani Chaves
1 mês atrás
Responder para  Guilherme do ES Ribeiro

Não, “Heide” é um nome alemão, o correto é “Ráide”…Muito tempo se dizia Tiago “Uilde” até aprenderem que sendo um nome alemão, Wild se pronuncia “Vild”…

JONY MARCIO SANTOS
JONY MARCIO SANTOS
1 mês atrás

Próximos pontos que o Heide terá a defender só irão cair em maio. Então acho que praticamente assegurou a vaga no qualy de Roland Garros. Vencendo amanhã já confirma praticamente. Mas já tá muito bem encaminhado.

Evandro
Evandro
1 mês atrás

Heide precisa vencer esse torneio para dar aquele up na carreira. Chega de quase!! Bora copar e levantar essa cabeça!(só anda de cabeça baixa, credo)

Rafael
Rafael
1 mês atrás
Responder para  Evandro

Evandro , falasse tudo , joga muito tênis mas tem que melhorar a postura corporal , ponho fé no Heide!

Rogério Falco
Rogério Falco
1 mês atrás

O jogo foi equilibrado. O italiano está num bom momento, mas o Heide mostrou ter repertório e conseguiu segurar o Mager, principalmente salvando os BP com seu saque no segundo set. Agora vai enfrentar o Bagnis sem favoritismo.

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
1 mês atrás

Quando se faz um bom trabalho, as vitórias vem na sequência, no Brasil é mais difícil, mas tá no caminho certo, rumo ao top 200 e porquê não 100, tem tenis pra isso. Step by step. Parabéns Heide e na torcida sempre. Detalhe: não perdeu sets, nas Bagnis é experiente.

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
1 mês atrás

Jogou muito, principalmente no segundo set quando foi mais exigido, ficou firme e saiu com a vitória!

Refaelov
Refaelov
1 mês atrás

Me surpreendeu positivamente sobretudo no mental. Ano passado ele em mais de 1 oportunidade em jogos parecidos onde vinha bem, desabava mentalmente após perder match points e ia-se o jogo.. ontem n, segurou a cabeça, n permitiu nova quebra do italiano e jogou um tie break firme.

SF promete ser ainda mais difícil, argentino levou CHL e fez final de ATP esse ano e, assim como o Heide, ainda n perdeu sets no torneio..

Última edição 1 mês atrás by Refaelov

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE