PLACAR

Gabriela Cé chega à primeira final do ano na Eslovênia

Gabriela Cé (Foto: Luiz Cândido/CBT)

Nova Gorica (Eslovênia) – Principal cabeça de chave do ITF W15 de Nova Gorica, em quadras de saibro na Eslovênia, Gabriela Cé garantiu neste sábado um lugar na final do torneio. A gaúcha de 31 anos e 436ª do ranking venceu a italiana Enola Chiesa, de 23 anos e 764ª do ranking, por duplo 6/1.

Esta é a primeira final do ano para Cé, que acumula 14 vitórias e 11 derrotas em 2024. Até então, suas melhores campanhas na temporada foram quartas de final em Buenos Aires e Campinas. A canhota gaúcha tem 12 títulos como profissional, o mais recente em agosto de 2022 no Rio de Janeiro.

Ao longo da semana, Cé perdeu apenas um set, para a japonesa Hayu Kinoshita nas oitavas de final. Já nas quartas, a brasileira aplicou um duplo 6/0 contra a italiana Giorgia Pinto. Ela também venceu a suíça Nicole Gadient na estreia.

A adversária na final deste domingo será a ucraniana Veronika Podrez, de apenas 17 anos e 482ª colocada, que derrotou a esloavaca de apenas 14 anos Kali Supova por duplo 6/3. Apesar da pouca idade, a ucraniana já tem três títulos no circuito profissional.

O torneio na Eslovênia dá 15 pontos à campeã e 10 para a vice, mas esses pontos só serão computados no dia 20 de maio, após o Masters e o WTA 1000 de Roma. Cé já foi a número 221 do ranking, durante sua boa temporada de 2019.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Jorge Luiz
10 dias atrás

Parabéns Gabi gaúcha guerreira

Paulo A.
Paulo A.
10 dias atrás

Gabi está irresistível lá na Eslovênia. Tomara que consiga copar. Ela merece!

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
10 dias atrás

Parabéns Gabi. Sucesso e na torcida sempre, junto com Monteiro nos dará alegria no domingo.

trackback

[…] Gorica (Eslovênia) – A gaúcha Gabriela Cé fez valer a condição de principal cabeça de chave do ITF W15 de Nova Gorica e conquistou o titulo do torneio em quadras de saibro na Eslovênia. A […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE