PLACAR

Fritz confirma favoritismo e vai em busca do tri em Eastbourne

Foto: ATP Tour

Eastbourne (Inglaterra) – O norte-americano Taylor Fritz segue firme na busca pelo tricampeonato no ATP 250 de Eastbourne. Principal cabeça de chave nesta edição, o atual número 13 do mundo confirmou o favoritismo diante do lucky-loser australiano Aleksander Vukic, 81º colocado no ranking, e triunfou pelo segundo jogo consecutivo em dois tiebreaks, parciais de 7/6 (7-5) e 7/6 (7-4) em 1h47 de confronto.

A campanha de Fritz, inclusive, tem sido marcada por duelos equilibrados. Em suas três partidas no torneio até aqui, o americano disputou seis parciais e em cinco delas precisou ir ao tiebreak. Apenas na estreia contra o paranaense Thiago Wild ele conseguiu vencer um set sem necessidade do desempate, marcando 7/6 (7-4) e 6/3. Já nas quartas de final, ele precisou de dois tiebreaks para bater o chinês Juncheng Shang.

Bicampeão em 2019 e 2022, Taylor Fritz chega à sua terceira final em sete participações na grama de Eastbourne e busca o oitavo título da carreira. No ano passado, ele caiu ainda nas oitavas de final da competição e com isso está somando pontos suficientes para ultrapassar o compatriota Tommy Paul e assumir o 12º lugar na lista da ATP. Sua melhor posição foi o quinto posto de fevereiro de 2023.

Purcell derruba sensação britânica

Na outra semifinal, Max Purcell colocou fim ao sonho do anfitrião Billy Harris. Em mais uma campanha de destaque na grama inglesa, o convidado da casa vinha de quartas de final em Queen’s e jogou sua primeira semifinal de ATP da carreira em apenas três torneios disputados neste nível, aos 29 anos de idade. Apesar de contar com o apoio da torcida, ele não foi páreo para o australiano, que venceu por 6/4, 4/6 e 6/4 após 2h13 de batalha.

Vindo do qualificatório, Purcell disputará uma final inédita na carreira em chaves de simples, já que nas duplas ele possui sete títulos e outros seis vice-campeonatos, sempre atuando ao lado de parceiros australianos. Anteriormente, ele havia alcançado apenas uma semi individual, justamente em Eastbourne há três temporadas, caindo para o italiano Lorenzo Sonego.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Purcell é ainda o quarto qualifier da história a decidir o título do torneio, repetindo os feitos do zimbabuano Kevin Ullyett (1999), do sueco Thomas Johansson (2004) e canadense Frank Dancevic (2009). Atual número 94 do mundo, o jogador de 26 anos está dando um salto de quase 30 posições, atingindo momentaneamente a 68ª colocação. Em caso de título, ele poderá retornar ao top 50, mas ainda abaixo do seu recorde pessoal, que foi o 40º posto de outubro do ano ano passado.

O duelo com Taylor Fritz será o segundo entre eles no circuito, e o norte-americano foi quem levou a melhor, também em dois tiebreaks, na primeira rodada do ATP 500 da Basileia em 2023.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Federer eterno GOAT
Federer eterno GOAT
24 dias atrás

taí o cara que vai destruir djokovic nessa temporada de grama

Danilo
Danilo
23 dias atrás

Fritz tem jogado muito! Também né, com uma mulher daquela ao lado kkkkkk inspiração não falta pra estar sempre evoluindo… jogando desse jeito vai chegar muito forte em Wimbledon

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Fils vence a grande batalha de Hamburgo em cima de Zverev

Veja como Zheng chegou ao bicampeonato em Palermo

PUBLICIDADE