PLACAR

Fognini se vinga de Wild e vence na estreia em Metz

Foto: Moselle Open

Metz (França) – Derrotado por Thiago Wild semanas atrás no challenger de Gênova, o italiano Fabio Fognini deu o troco nesta terça-feira e levou a melhor sobre o paranaense na estreia de ambos no ATP 250 de Metz. O experiente tenista teve trabalho e precisou de 2h07 para superar o brasileiro em dois tiebreaks, fechando o jogo com o placar final de 7/6 (7-3) e 7/6 (11-9).

A partida foi bastante disputada e parelha, com chances para ambos os lados. No primeiro set, quem teve as melhores oportunidades foi Wild, que deixou escapar um break-point logo no primeiro game e outro no terceiro. Depois disso, não houve mais oportunidades de quebra para qualquer um dos lados, com os sacadores prevalecendo.

Sem quebras, a definição foi para o tiebreak e então o paranaense pagou caro por não ter aproveitado as chances que teve. Fognini largou bem e abriu 4-1, com um mini-break para cima do brasileiro. Perfeito com o saque, o italiano não perdeu pontos e ainda venceu mais um na devolução para fechar o set e abrir 1 a 0 no placar.

Depois de não ter enfrentado break-points na parcial inicial, Wild começou a segunda salvando um logo no primeiro game. Fognini voltou a pressioná-lo e obteve a quebra no terceiro, que foi devolvida logo em seguida. O paranaense voltou a perder o serviço no sétimo, mas novamente respondeu rápido e deixou tudo igual no oitavo.

Sacando em 4/5, Fognini salvou dois set-points antes de conseguir confirmar. Sem novas quebras, veio mais um tiebreak, que foi ainda mais disputado e aberto que o outro. O italiano perdeu dois match-points, um deles com o saque, depois foi Wild que deixou escapar dois set-points, um deles também com o saque, e no terceiro match-point que teve, Fognini garantiu a vitória.

Ocupando atualmente apenas a 147ª colocação no ranking, Fognini terá pela frente o imprevisível cazaque Alexander Bublik, cabeça de chave 5, que estreia direto na segunda rodada. Será a primeira vez que o italiano de 36 anos enfrentará o atual 32 do mundo pelo circuito.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE