PLACAR

Fernandez escapa da derrota, Cocciaretto volta a surpreender

Leylah Fernandez (Foto: LTA)

Birmingham (Inglaterra) – Pela primeira vez em sua carreira profissional, Leylah Fernandez disputará as quartas de final de um torneio na grama. A canadense de 21 anos e atual 33ª do ranking marcou sua segunda vitória no WTA 250 de Birmingham, superando nesta quarta-feira a suíça Viktorija Golubic, 78ª colocada, por 4/6, 7/5 e 6/3.

Fernandez e Golubic protagonizaram um jogo muito divertido de se assistir. A suíça utilizava muitos slices de forehand e atacava a paralela com o backhand de uma mão, enquanto a canhota canadense variava entre o estilo agressivo e algumas curtinhas e subidas à rede.

Depois de um primeiro set com apenas uma quebra, conquistada por Golubic logo no game de abertura, Fernandez chegou a ficar a um game da eliminação. Ela perdia a segunda parcial por 5/4, mas venceu os últimos três games do set. A canadense sacou muito bem no terceiro set, não enfrentou mais break-points e conseguiu mais uma quebra para fechar o jogo.

Fernandez é cabeça 6 em Birmingham e enfrenta nas quartas a australiana Ajla Tomljanovic, 190ª colocada, que derrotou a chinesa Lin Zhu por 6/7 (6-8), 6/1 e 6/4. O confronto entre a canadense e a australiana é inédito no circuito da WTA.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Do mesmo lado da chave, a russa Anastasia Potapova confirmou a condição de cabeça 7 e venceu a italiana Lucia Bronzetti por 6/3 e 7/5. Atual 36ª do ranking, Potapova pode enfrentar a tcheca Barbora Krejcikova, segunda cabeça de chave e 25ª do mundo, ou a britânica Harriet Dart.

Já a italiana Elisabetta Cocciaretto, que havia superado a principal favorita a atual campeã Jelena Ostapenko na primeira rodada, venceu mais uma campeã de Grand Slam. A italiana de 23 anos e 44ª do ranking superou a norte-americana Sloane Stephens, ex-top 3 e autal 48ª colocada, por 6/4 e 6/2. A adversária nas quartas pode ser a tcheca Marie Bouzkova ou a jovem russa de 20 anos Diana Shnaider.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE