PLACAR

“Estou confiante e isso faz diferença”, comemora Wild

Foto: Profimedia

Indian Wells (EUA) – Depois de passar pelo qualificatório em Indian Wells e disputar pela segunda vez a chave principal de um Masters 1000, o paranaense Thiago Wild manteve o embalo e superou a primeira rodada na competição californiana, batendo o tenista da casa J.J. Wolf com autoridade, marcando parciais de 6/2 e 6/1 em apenas 60 minutos.

“Acho que hoje joguei bem sólido, firme, e tive disciplina para impor meu padrão de jogo. Estou confiante e isso faz diferença. Não fui afobado, tive paciência para aproveitar os momentos. Estou muito feliz de estar na segunda rodada de um Masters 1000 pela primeira vez, mas preciso seguir trabalhando firme e como já disse, pensando jogo a jogo”, falou Thiago.

O resultado foi tão imponente, que logo após a partida o paranaense só trocou de quadra para treinar mais um pouco. Ele voltará a jogar nesta sexta-feira, quando terá um páreo bem mais duro pela frente: vai desafiar o russo Karen Khachanov, 15º pré-classificado, campeão em Doha em fevereiro. Os dois nunca se enfrentaram antes.

A partida será a quarta da quadra cinco, acontecendo por volta das 22h (horário de Brasília). Sobre o próximo adversário, Wild foi sucinto: “Amanhã é outro dia, vou fazer o meu jogo, o meu melhor e vamos ver”.

15 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Andre Borges
Andre Borges
4 meses atrás

É, jogou só 15 games tem que pegar uma quadra e treinar pra dar ritmo e rodagem.

Luiz
Luiz
4 meses atrás
Responder para  Andre Borges

O cara veio do Quali, ja jogou 3 jogos…não precisa mais rodagem do que isso pra ganhar confiança.
Vai chegar inteiro para pegar o Khachanov

Vagner
Vagner
4 meses atrás

Perfeito Wild …. parada dura na próxima rodada … mas é só continuar jogando como vem jogando .. vamos prá cima

Fernando Venezian
Fernando Venezian
4 meses atrás

Esse jogo não serviu de referência pra saber como o brasileiro tá! O americano jogou muito mal!

Wilbert Ferraz
Wilbert Ferraz
4 meses atrás
Responder para  Fernando Venezian

Mas se fosse qualquer outro brazuca, teria perdido pro Wolf jogando no hard um 1000. Serve de referência sim. Esse tipo de torneio nao é pra qualquer um.

João
João
4 meses atrás

Se já venceu o russo principal, não vejo porque não possa vencer esse russo secundário.

Leandro Schulai
Leandro Schulai
4 meses atrás
Responder para  João

Russo terciário pq o secundário é o Rublev.

Bukele
Bukele
4 meses atrás

O bom disso é que o Wild não ficou desgastado, foram 3 jogos bem fáceis resolvidos em 1h cada um. A “armadilha dos Masters 1000” não pegou nele ainda. Seria excelente se conseguisse derrotar o Khachanov e depois o Jarry ou Maroszán, ele tem bola pra isso. Aí chegaria numa oitavas de final contra o Alcaraz defendendo todos os pontos que tinha pra defender até abril, ganhando uma bufunfa boa (100 mil doletas) e podendo jogar bem solto sem nada a perder.

Evandro
Evandro
4 meses atrás
Responder para  Bukele

Se o Alcaraz chegar lá…

Rafael
Rafael
4 meses atrás

Ele disputa pela segunda vez a chave principal de um Masters 1000!

Bukele
Bukele
4 meses atrás
Responder para  Rafael

Sim, é a segunda vez que disputa mas é a primeira em que vence jogo. Em Miami 2021 perdeu na 1a rodada.

Carlos M
Carlos M
4 meses atrás

Meus palpites pro Brasil hoje: Victória Barros, se a chuva deixar em Blumenau, vence e faz final de duplas no Banana.
Bia passa pela primeira rodada em IW.
Monteiro vai pra semi no Challenger.
Wild…não sei, torço pra passar, mas acho que fica pelo caminho.

Carlos M
Carlos M
4 meses atrás
Responder para  Carlos M

Victoria ficou pelo caminho. Tenho mais três chances de acertar com Bia é os Thiagos.

Última edição 4 meses atrás by Carlos M
Fred Magalhães
Fred Magalhães
4 meses atrás
Responder para  Carlos M

E o monteiro?

Scott
Scott
4 meses atrás

Essa confiança gera calafrios nos detratores e cabelos de boneca. Avante Wild!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE